Percepção discente sobre avaliação do curso de licenciatura em educação física no ensino a distância

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51281/impa.e021016

Palavras-chave:

Educação Física, Ensino a Distância, Avaliação de Aprendizagem

Resumo

É notória a relevância atribuída a prática do Ensino a Distância (EaD) na contemporaneidade, sendo a modalidade responsável por proporcionar um mundo novo de possibilidades na vida acadêmica de inúmeras pessoas. É possível afirmar que a utilização do ensino a distância proporciona ao aluno o conhecimento independente de qualquer situação. Diante disso, este estudo teve como objetivo descrever a percepção discente sobre as práticas de avaliação do curso de Licenciatura em Educação Física a distância, através do método descritivo, caracterizando-se de uma abordagem quantitativa de cunho exploratório. A amostra foi composta por 26 discentes matriculados nos 6º e 7º semestres do curso de licenciatura em Educação Física de uma Universidade Pública do Estado de Pernambuco - PE. De acordo com os resultados ficou claro que os discentes concordam com a maioria das ferramentas utilizadas como meio avaliativo no curso de licenciatura a distância em Educação Física.

Biografia do Autor

Leandro Alencar de Andrade, Universidade Regional do Cariri

Graduado em licenciatura em Educação Física pela Universidade Regional do Cariri (URCA). Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação Física Escolar (NePEFE/URCA).

Lucas Souza Silva, Universidade Regional do Cariri

Licenciando em Educação Física pela Universidade Regional do Cariri (URCA). Bolsista do Programa Institucional e Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC). Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação Física Escolar (NePEFE/URCA).

Nargila Mara da Silva Bento, Universidade de Brasilia

Doutoranda em Educação Física no Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade de Brasília (UnB). Mestra em Educação Física pelo Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF).

Referências

ALMEIDA, Patrícia Cristina Albieri; TARTUCE, Gisela Lobo BP. Avaliação institucional e projeto político-pedagógico: dois lados de uma mesma moeda. Estudos em Avaliação Educacional, v. 28, n. 67, p. 32-62, 2017. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=5973253. Acesso em: 06 out 2020.

ANTUNES, Marcos Benatti; FERREIRA, Helaine Patricia. MAPA–Material de Avaliação Prática da Aprendizagem na Graduação em Educação Física à Distância: Relato de Experiência. EaD em Foco, v. 10, n. 1, 2020. DOI: https://dx.doi.org/10.18264/eadf.v10i1.969.

MELO AZEVEDO, Érica. O Papel do Tutor-Professor na EaD em Nível Superior: Aspectos Históricos e o Reconhecimento Legal. EaD em Foco, v. 9, n. 1, 2019. DOI: https://dx.doi.org/10.18264/eadf.v9i1.753.

BATISTA, Gleidson Soares et al. Avaliação da Aprendizagem no Ensino a Distância. Redin-Revista Educacional Interdisciplinar, v. 8, n. 1, 2019. Disponível em: http://seer.faccat.br/index.php/redin/article/view/1467 Acesso em: 05 set. 2020.

BRASIL. Art. 80 da Lei de Diretrizes e Bases - Lei 9394/96. MEC, 2018. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/legisla09.pdf. Acesso em: 01 set. 2020.

BRUGNERA, Tiago Luis. Adequações contemporâneas ao processo avaliativo tradicional no ensino superior: da tradição jesuítica à pluralidade metodológica. Revista Brasileira de Ensino Superior, v. 3, n. 3, p. 100-113, 2017. DOI: https://dx.doi.org/10.18256/2447-3944.2017.v3i3.2006.

CAMPOS, Helio. Capoeira no curso de Educação Física: uma experiência no Ensino a Distância. In: Licenciatura em Educação Física a Distância: uma realidade baiana. EDUFBA, ISBN 978-85-232-1658-0, p. 87-112, 2017. Disponível em: https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ri/26608/1/LicenciaturaEmEducacaoFisicaaDistancia-EDUFBA-2017.pdf. Acesso em: 01 set. 2020.

CARVALHO, Lídia Madalena Damas. Avaliação das aprendizagens em Educação Física. Boletim Sociedade portuguesa de educação física, n. 10-11, p. 135-151, 2017. Disponível em: https://boletim.spef.pt/index.php/spef/article/view/163. Acesso em: 06 out. 2020.

FERREIRA, Eduarda Sabrina. Educação a distância como modalidade de educação permanente: uma análise da experiência de caruaru (PE). In: 16º Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais, 2019. Brasília. Anais do XVI Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais. Brasília, 2019. p. 1-17. Disponível em: https://broseguini.bonino.com.br/ojs/index.php/CBAS/article/view/548/537. Acesso em: 01 set. 2020.

FERREIRA, Sandra Lucia. Avaliação das aprendizagens para professores da educação superior. Editora Senac, São Paulo, 2019. 163p.

FINELLI, Leonardo Augusto Couto et al. Avaliação da qualidade da educação a distância–EaD na percepção dos discentes. Multifaces: Revista de Ciência, Tecnologia e Educação, v. 1, n. 1, 2018. Disponível em: https://repositorio.unb.br/handle/10482/7640. Acesso em: 05 set. 2020.

GOMES, Válter; MACHADO-TAYLOR, Maria de Lourdes; SARAIVA, Ernani Viana. O ensino superior no brasil-breve histórico e caracterização. Ciência & Trópico, v. 42, n. 1, 2018. Disponível em: https://periodicos.fundaj.gov.br/CIC/article/view/1647/1395. Acesso em: 06 out. 2020.

HOLLNAGEL, Heloisa Candia et al. Análise preliminar da atividade de tutoria nos cursos de especialização em gestão pública e gestão pública municipal da uab-unifesp: Percepção de Tutores e Alunos. Perspectivas Contemporâneas, v. 12, n. 1, p. 01-21, 2017. Disponível em: http://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/perspectivascontemporaneas/article/view/2103/885. Acesso em: 06 out. 2020.

LEÃO, João Antonio Carneiro; CONRADO, Margarete Souza. EAD em Educação Física: um olhar diagnóstico na Bahia. In: Licenciatura em Educação Física a Distância: uma realidade baiana. EDUFBA, ISBN 978-85-232-1658-0, p. 27-52, 2017. Disponível em: https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ri/26608/1/LicenciaturaEmEducacaoFisicaaDistancia-EDUFBA-2017.pdf. Acesso em: 01 set. 2020.

LUCKESI, Carlos Cipriano. Avaliação da aprendizagem: componente do ato pedagógico. São Paulo: Cortez, 2011. 448p.

MENDES, Evandra Hein; BARBOSA-RINALDI, Ieda Parra. Avaliação da aprendizagem na Educação Física Escolar. Pensar en Movimiento: Revista de Ciencias del Ejercicio y la Salud, v. 18, n. 1, p. 4, 2020. Disponível em:< https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7395891. Acesso em: 06 out. 2020.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Censo mostra que ingresso de alunos cresceu 8,5% em 2008. 2018. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/component/tags/tag/32123. Acesso em: 27 out. 2020.

MORAN, José Manuel. Modelos e avaliação do ensino superior a distância no Brasil. ETD-Educação Temática Digital, v. 10, n. 2, p. 54-70, 2009. DOI: https://dx.doi.org/10.20396/etd.v10i2.977.

NEUENFELDT, Derli Juliano; RATAIZKI, Cátia Raquel. Instrumentos e critérios de avaliação utilizados pelos professores de educação física nos anos finais do ensino fundamental. Kinesis, v. 35, n. 2, 2017. DOI: https://dx.doi.org/10.5902/2316546423006.

OLIVEIRA, Anelise Martinelli Borges; NASCIMENTO, Mari Clair Moro. Memórias de alunos universitários acerca das práticas avaliativas na educação básica. Revista Entreideias: educação, cultura e sociedade, v. 9, n. 2, 2020. DOI: http://dx.doi.org/10.9771/re.v9i2.35900.

PARENTE, Nórlia Nabuco; CIASCA, Maria Isabel Filgueiras Lima. A avaliação da aprendizagem instituída no Regulamento de Organização Didática e na prática dos docentes do IFCE campus de Sobral. Research, Society and Development, v. 9, n. 4, p. e110942903-e110942903, 2020. DOI: https://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i4.2903.

REIS, Jucimar Silva et al. Avaliação da aprendizagem: concepções pedagógicas de professores de uma instituição educacional do sul de rondônia. Revista Didática Sistêmica, v. 21, n. 1, p. 8-23, 2019. DOI: https://dx.doi.org/10.14295/rds.v21i1.8666.

ROCHA, Sinara Socorro Duarte; JOYE, Cassandra Ribeiro; MOREIRA, Marília Maia. A Educação a Distância na era digital: tipologia, variações, uso e possibilidades da educação online. Research, Society and Development, v. 9, n. 6, p. e10963390-e10963390, 2020. DOI: https://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i6.3390.

RUFATO, João Antonio; SILVA, Roberta Nathalie Oliveira. Educação Física no ensino a distância: uma revisão. Caderno Intersaberes, v. 9, n. 17, 2020. Disponível em: https://www.uninter.com/cadernosuninter/index.php/intersaberes/article/view/1301. Acesso em: 01 set. 2020.

SANTIAGO, Mylene Cristina; SANTOS, Mônica Pereira dos; MELO, Sandra Cordeiro de. Inclusão em educação: processos de avaliação em questão1. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 25, p. 632-651, 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s0104-40362017002500652.

ALMEIDA SANTOS, Catarina. Educação Superior a Distância no Brasil: democratização da oferta ou expansão do mercado. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação-Periódico científico editado pela ANPAE, v. 34, n. 1, p. 167-188, 2018. DOI: https://dx.doi.org/10.21573/vol34n12018.82470.

SANTOS, Maria Francisca Oliveira. As intervenções do aluno no discurso de sala de aula. Leitura, v. 2, n. 30, p. 299-307, 2019. Disponível em: http://www.seer.ufal.br/index.php/revistaleitura/article/download/7495/5206. Acesso em: 06 out. 2020.

SILVA, Antonio Carlos da; RODRIGUES, Graciele Massoli; FREIRE, Elisabete dos Santos. Educação Física no Ensino Médio: As percepções dos estudantes sobre as aulas. Pensar a Prática, v. 20, n. 4, 2017. DOI: https://dx.doi.org/10.5216/rpp.v20i4.43820.

SILVA, Roberta Nathalie oliveira; PEREIRA, Cátia Kelly Faria; DIAS, Sergio Luis. Revisão integrativa sobre o ensino de modalidades esportivas nos cursos de Educação Física a distância: desafios para professores e alunos. In: XV ENFOC - Encontro de Iniciação Científica, XIV Fórum Científico, VI Seminário PIBID - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência e I Seminário do Programa de Residência Pedagógica. ISSN: 2177-0131, Curitiba (PR): UNINTER, 2019. Disponível em: <https://www.even3.com.br/anais/enfocuninter2019/190113-revisao-integrativa-sobre-o-ensino-de-modalidades-esportivas-nos-cursos-de-educacao-fisica-a-distancia--desafios-/>. Acesso em: 01 set. 2020.

SOUZA, Daniel Oliveira Souza et al. Educação física, modalidade a distância em rondônia. InterSciencePlace, v. 14, n. 1, 2019. Disponível em: http://www.interscienceplace.org/isp/index.php/isp/article/view/801/471. Acesso em: 06 out. 2020.

TECH TUDO. Google Forms: o que é e como usar o app de formulários online. 2018. Disponível em: https://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/2018/07/google-forms-o-que-e-e-como-usar-o-app-de-formularios-online.ghtml. Acesso em: 15 out 2020.

THOMAS, J. R.; NELSON, J. K.; SILVERMAN, S. J. Métodos de pesquisa em atividade física. Tradução: Ricardo Demétrio de Souza Petersen. 6º Ed. Porto Alegre: Artmed Editora, 2012. 478p.

VARGAS, Cláudio Pellini; NEIRA, Marcos Garcia. A Educação Física brasileira por entre distintas epistemologias e o entrave da área 21. Práxis Educativa (Brasil), v. 14, n. 3, p. 893-914, 2019. DOI: https://dx.doi.org/10.5212/PraxEduc.v.14n3.005.

Publicado

2021-09-11

Como Citar

ANDRADE, L. A. de; SILVA, L. S.; BENTO, N. M. da S. Percepção discente sobre avaliação do curso de licenciatura em educação física no ensino a distância. Revista de Instrumentos, Modelos e Políticas em Avaliação Educacional, [S. l.], v. 2, n. 3, p. e021016, 2021. DOI: 10.51281/impa.e021016. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/impa/article/view/6706. Acesso em: 26 jan. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)