Fanzine: uma metodologia ativa como prática avaliativa no ensino de geografia – um relato de experiência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51281/impa.e021018

Palavras-chave:

Aprendizagem, Avaliação, Fanzine, Metodologia Ativa

Resumo

O presente trabalho tem como relato de experiência a utilização de um recurso didático, o Fanzine, utilizado como uma prática avaliativa no processo de ensino e aprendizagem, facilitando a compreensão dos conteúdos e fazendo uma interação maior entre os assuntos estudados. A metodologia utilizada foi a pesquisa qualitativa, com a utilização do relato de experiência e de forma participativa. A utilização do Fanzine faz com que os alunos participem de uma forma individual e com o intuito de uma interação com o coletivo sobre o conteúdo abordado, pois ele facilita para o aluno a exposição mais segura daquilo que aprendeu, mediante a pesquisa que foi realizada e a temática sugerida. Este recurso é altamente interdisciplinar.

Biografia do Autor

Silvia Maria de Oliveira Ribeiro, Faculdade de Ensino Superior de Parnaíba

Possui graduação em Pedagogia pela Faculdade Piauiense (2009). Especialista em Psicopedagogia com Docência Superior, Educação Especial, Educação em Libras e Inclusiva. Mestranda em Ensino e Formação Docente IFCE/UNILAB.

Cintielena Holanda Costa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

Graduada em Licenciatura em Geografia pela UECE; Graduada em Direito Bacharelado pela UNIFOR; Especialista em ensino de Geografia pela FAVENI; Especialista em Gestão Escolar pela UNICA; Mestranda em Ensino e Formação Docente, do Programa Associado da UNILAB/CE e do IFCE.

Ana Christina de Sousa Damasceno, Universidade Católica de Pernambuco

Doutoranda em Ciências em Ciências da Linguagem (UNICAP); Mestre em Letras (UESPI); Especialista em Educação Infantil (UESPI) e em Gestão Municipal de Educação (UFPI); Graduada em Pedagogia (FAP/UNINASSAU) e em Letras/Português (UESPI). Professora da SEMEC/Caxingó – PI e professora do Curso de Pedagogia na FAESPA.

Solonildo Almeida da Silva, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

Doutor em educação pela Universidade Federal do Ceará (2011). Mestrado em Sociologia pela Universidade Estadual do Ceará (2005). Pós-doutorado pela Universidade Federal do Ceará (2016). Professor do Instituto Federal do Ceará (IFCE).

Referências

BACICH, Lilian; MORAN, José. Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

FIORENTINI, Dario; LORENZATO, Sergio. Investigação em Educação Matemática: percursos teóricos e metodológicos. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 2006.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e Técnicas de pesquisa social. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 2008.

LACERDA, Carlos de Brito. Ambiente escolar: O protagonismo do estudante com fanzines. IMAGINÁRIO, n. 6, p. 115-136, 2014. Disponível em: http://www.memorialhqpb.org/ebooks/imaginario-06-pdf/5-%20carloslacerda.pdf Acesso em: 25 ago. 2021.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia cientifica. 5. Ed. São Paulo: Atlas, 2003.

LEÃO, Dóris Sandra Silva; CIASCA, Maria Isabel Filgueiras Lima; VIEIRA, Hermany Rosa. A parceria professor–estudante na proposta da aprendizagem cooperativa. Revista de Instrumentos, Modelos e Políticas em Avaliação Educacional, v. 1, n. 3, p. e020017, 2020. DOI: https://doi.org/10.51281/impa.e020017

MANN, Peter H. Métodos de investigação sociológica. Rio de Janeiro: Zahar, 1970.

MORAN, José. Metodologias ativas para uma educação inovadora. In: BACICH, Lilian; MORAN, José (Orgs). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

NASCIMENTO, Melissa Eloá Silveira. Pedagozinando em sala de aula: artes de dizer e pedagogias de fazer. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2010. Disponível em: https://www.bdtd.uerj.br:8443/bitstream/1/10532/1/Dissert_Melissa%20pre_ref_Bdtd.pdf Acesso em: 19 jul. 2021.

VALENTE, José Armando. A sala de aula invertida e a possibilidade do ensino personalizado: uma experiência com a graduação em midialogia. In: BACICH, Lilian; MORAN, José (Orgs). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

VIANNA, Heraldo Marelim. Avaliação educacional e o avaliador. São Paulo: IBRASA, 2000.

Publicado

2021-09-11

Como Citar

RIBEIRO, S. M. de O. .; COSTA, C. H. .; DAMASCENO, A. C. de S.; SILVA, S. A. da. Fanzine: uma metodologia ativa como prática avaliativa no ensino de geografia – um relato de experiência. Revista de Instrumentos, Modelos e Políticas em Avaliação Educacional, [S. l.], v. 2, n. 3, p. e021018, 2021. DOI: 10.51281/impa.e021018. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/impa/article/view/6451. Acesso em: 16 maio. 2022.