UM INSTANTE DA PRESENÇA POLÍTICA E SINDICAL DOS PROFESSORES MARANHENSES NA HISTÓRIA SOCIAL DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA (1985-1986)

  • Carlos Bauer
  • Vanessa Amorim Dantas

Resumo

Lançando mão de fontes primárias provenientes de matérias jornalísticas, fotografias, entrevistas e documentos sindicais, o artigo tem como objetivo reconstruir os caminhos da primeira greve dos professores públicos maranhenses, de forma crítica e contextualizada, além de trazer à tona alguns aspectos da trajetória histórica da formação e da consolidação do movimento docente no Maranhão, identificando as condições objetivas e subjetivas que desencadearam as mobilizações contra o patronato governamental. Esse movimento paredista foi deflagrado em 1º de novembro de 1985, com adesão de perto de cem por cento da categoria pertencente aos quadros da rede estadual de ensino e contou com o destacado papel da Associação de Professores do Estado do Maranhão na urdidura e no desenvolvimento desse significativo instante histórico educacional.

Publicado
2018-06-11