LA FILOSOFIA DE LA TECNOLOGÍA EN LA FORMACIÓN DE INGENIEROS: ALGUNAS IDEAS SOBRE LA EXPERIENCIA DE CUBA

Palavras-chave: Filosofía, Ingenierías, Formación

Resumo

A tecnologia está avançando rapidamente e impacta na maneira de abordar a relação entre o ser humano e o mundo, o significado de nossas vidas, o conhecimento da realidade e a governabilidade social. Assim, a tecnologia tornou-se um assunto que não apenas surge nos diferentes ramos da filosofia, mas suscita ainda um tratamento especializado nos limites do que é conhecido como Filosofia da Tecnologia. Há um grande consenso de que este assunto deve ser levado a sério por aqueles que têm a ver com o desenvolvimento tecnológico e suas aplicações, especialmente engenheiros, e aqueles envolvidos em sua formação e educação. O presente trabalho aborda a introdução de temas de Filosofia da Tecnologia nos cursos de Engenharia em Cuba, levando em conta sua demanda social, base epistemológica, assim como os cenários e estratégias de seu ensino e aprendizagem. Como base empírica, foram utilizados os currículos e planos de carreiras de engenharia, e realizou-se uma sistematização das experiências docentes dos autores como professores em cursos de engenharia. Concluímos que a experiência cubana nesta questão está relacionada ao seu contexto educacional e social.

Palavras-chave: Filosofia. Tecnologia. Epistemologia. Formação. Engenharia. Cuba

Biografia do Autor

Adolfo Ramos Lamar, Universidade Regional de Blumenau (FURB)

Pós-doutor em Educação pela Universidade de São Paulo.Professor da Universidade Regional de Blumenau (FURB), Blumenau, Santa Catarina. Consultor ad-hoc de publicações periódicas e agências de fomento. É Pesquisador do Grupo Educogitans da FURB, Observatório de Estudos Comparativos em Educação (OIECE), Grupo Paideia e Grupo de Estudos e Pesquisas em Política e Avaliação Educacional da Faculdade de Educação da UNICAMP e pesquisador colaborador do Grupo de Pesquisa Comunidades Sustentáveis do Mestrado e Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional da UESC.  

Eduardo Francisco Freyre Roach, Universidad Agraria de la Habana

Professor Titular da Universidad Agraria de la Habana (UNAH). Professor dos Mestrados em Docencia Superior, em Agroecologia, em Extensão Agraria, e Doctorados de Desenvolvimento Agrario e Rural. Tem ministrado cursos em universidades de Brasil, México, Ecuador e Bolivia. 

Publicado
2019-08-02
Como Citar
Ramos Lamar, A., & Roach, E. F. (2019). LA FILOSOFIA DE LA TECNOLOGÍA EN LA FORMACIÓN DE INGENIEROS: ALGUNAS IDEAS SOBRE LA EXPERIENCIA DE CUBA. Educação & Formação, 4(12 set/dez). https://doi.org/10.25053/redufor.v4i12.1425