Atendimento educacional especializado e atelier pedagógico (entre deficiência potencial e arte potencial)

  • Elisandro Rodrigues
  • Daniel Noal Gai
Palavras-chave: Atendimento Educacional Especializado.Atelier pedagógico.Deficiência potencial.Arte potencial

Resumo

Quer-se produzir pensamento acerca do fazer no Atendimento Educacional Especializado. Quer-se pensar alguns lugares destinados ao outro estranho. Pensar o estudante que carrega a marca do déficit de aprendizagem, do autismo, da idiotia, da deficiência, da síndrome, da doença mental. Vamos pensar a deficiência potencial? Como disparar outras línguas, outros estilos, outros modos de aprender e existir na escola, na universidade? Este texto traz proposições para o Atendimento Educacional Especializado, com base conceitual e experimental que afirma o Atendimento Educacional Especializado como Atelier Pedagógico desde a educação infantil à universidade. Essas são as conclusões de um projeto de pesquisa e extensão que tem como agenciadores do pensamento o referencial pós-crítico e a filosofia da diferença, sendo desenvolvido em uma universidade federal e em cinco escolas da rede de ensino pública da região metropolitana de Porto Alegre.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-09-01
Como Citar
RODRIGUES, E.; GAI, D. Atendimento educacional especializado e atelier pedagógico (entre deficiência potencial e arte potencial). Educação & Formação, v. 1, n. 3, p. 125-139, 1 set. 2016.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##