O USO DA ENGENHARIA DIDÁTICA E DA SEQUÊNCIA FEDATHI COMO FERRAMENTAS METODOLÓGICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA

  • Gisele Pereira Oliveira Universidade Federal do Ceará/ UFC
  • Ana Carolina Costa Pereira Universidade Estadual do Ceará
Palavras-chave: Engenharia Didática; Sequência Fedathi; Formação de Professores de Matemática; Objetos de Aprendizagem; Metodologia.

Resumo

Estamos inseridos na era da informação e comunicação, período de avanços tecnológicos significativos na Educação, desse modo, esse estudo, visa apresentar um recorte da experiência de uma pesquisa de mestrado, frente à formação de professores de Matemática sobre o uso pedagógico de Objetos de Aprendizagem (OAs), em que, destacamos neste, a importância do uso de ferramentas metodológicas no ensino de Matemática. E, mediante ao uso da metodologia de pesquisa, Engenharia Didática de segunda geração, organizada segundo as etapas, análise preliminar, concepção e análise a priori das situações didáticas, experimentação e análise a posteriori e validação; conseguimos realizar um curso de extensão universitária para docentes de Matemática, possibilitando um letramento tecnológico no ensino de Matemática, tendo ainda nesta ocasião, a apresentação e experimentação da metodologia de ensino, Sequência Fedathi, que diante das etapas, tomada de posição, maturação, solução e prova, conseguiu oferecer para alunos e professores, o acesso e divulgação de saberes do conhecimento matemático, de forma processual e construtiva. Além disso, conseguimos compreender como a utilização de ferramentas metodológicas na formação de professores de Matemática pode colaborar com o ensino de Matemática. Tendo ademais, com o auxílio do método de Análise de Conteúdos, a possibilidade de identificar, conhecer e categorizar as percepções dos professores de Matemática, diante desta temática. E, também, entre os resultados levantados, constatamos que 41% dos professores participantes do curso, buscavam conhecer metodologias inovadoras para o ensino de Matemática, concluindo desse modo, após verificar os dados coletados, que os professores, em formação inicial e continuada, identificam o uso pedagógico de OAs como ferramentas didáticas auxiliadoras e facilitadoras na explanação, representação e experimentação de conceitos matemáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALMOULOUD, S. A; SILVA, M. J. F. Engenharia Didática: evolução e diversidade. Revemat: R. Eletr. de Edu. Matem. Florianopólis, v. 7, n.2, p. 26 – 27, 2012.

AQUINO FILHO, R. B. Objetos de Aprendizagem: estudo de funções com apoio do Geogebra. 2015. 123f. Dissertação (Mestrado Profissional em Matemática) – Universidade Federal de Campina Grande – UFCG, Campina Grande, 2015.

BRASIL. Ministério da Educação; Secretaria de Educação Básica. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC/ SEB, 2018.600 p.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Matemática / Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997. 142p.

BRENER, C. L. S. Objetos de Aprendizagem para o ensino de Logaritmos e Exponencias. 2013. 66f. Dissertação (Mestrado Profissional em Matemática – PROFMAT) – Instituto de Matemática Pura e Aplicada – IMPA, Rio de Janeiro, 2013.

CAMPOS, C. J. G. Método de Análise de Conteúdo: ferramenta para a análise de dados qualitativos no campo da saúde. Revista Bras Enferm, Brasília, p.611-614, set/out, 2004.

COUTINHO, C.Q.S; ALMOULOUD, S. Ag. Engenharia Didática: característica e seus usos em trabalhados apresentados no GT PERRIN-GLORIAN, M. J. L’ingénierie didactique a l’interface de la recherche avec l’enseignement. Développement des ressources et formação des enseignants. In: Margolinas et al.(org.): En amont et en aval des ingénieries didactiques, XV École d´Été de Didactique des Mathématiques – Clermont-Ferrand (PUY-de-Dôme). Recherches em Didactique des Mathématiques. Grenoble: La Pensée Sauvage, v. 1, p. 57-78, 2009.

OLIVEIRA, G. P. A percepção dos professores de Matemática sobre o uso pedagógico de Objetos de Aprendizagem na formação inicial e continuada. 2018. 156f. Dissertação (Mestrado Profissional em ensino de Ciências e Matemática) – Universidade Federal do Ceará – UFC, Fortaleza 2018.

PINHEIRO, A. C. M.; PEDROSA, V. N. M.; MENDONÇA, A. F. Uma proposta metodológica do uso do ambiente computacional como recurso didático para o ensino de conceitos matemáticos baseados na Sequência Fedathi. In: Encontro Nacional de Educação Matemática (ENEM). Anais [...] São Paulo, 2016.

PINTO, E. B. Combinatória do Ensino Médio: concentrando o ensino nos Objetos de Aprendizagem. 2015. 65f. Dissertação (Mestrado em Matemática em Rede Nacional) – Universidade Federal do Ceará – UFC, Fortaleza, 2015.

Publicado
2019-12-31
Como Citar
OLIVEIRA, G.; PEREIRA, A. O USO DA ENGENHARIA DIDÁTICA E DA SEQUÊNCIA FEDATHI COMO FERRAMENTAS METODOLÓGICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, v. 6, n. 18, p. 65 - 78, 31 dez. 2019.