Storytelling como uma metodologia ativa no ensino de Matemática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30938/bocehm.v8i23.5099

Palavras-chave:

Educação Matemática, Educação Financeira, Narrativa

Resumo

No contexto atual de pandemia como forma de suprir a demanda pela efetividade do processo ensino e aprendizagem, em momentos remotos e híbridos, há uma busca constante por metodologias ativas, pois as metodologias tradicionais, que focam apenas na apropriação de técnicas ou conceitos puramente científicos, não são tão eficazes. Portanto este artigo tem como objetivo trazer uma atividade de Matemática, para alunos da educação básica, estruturada a partir da Metodologia Ativa Storytelling que consiste em uma narrativa que, no processo educacional, incorpora elementos pedagógicos que proporcionam aos estudantes, criatividade, senso crítico e interação. Os assuntos matemáticos contemplados, a partir das narrativas, são características do sistema de numeração posicional, resolução de problemas envolvendo números racionais e suas operações, as relações de proporcionalidade entre grandezas numéricas, resolução de problemas utilizando unidades de medida padronizadas e, também realizar conversões de unidades de medida. Além desses assuntos de Matemática, a atividade proporciona um debate sobre alguns temas transversais como Educação Financeira e a situação atual da pandemia, pois entendemos que o contexto econômico e sanitário exige que as aulas tragam essa discussão e, dessa forma, estaremos contribuindo para a formação dos alunos numa perspectiva crítica. Para isso, os estudos foram baseados em uma revisão sistemática de literatura em busca das contribuições das Metodologias Ativas. Destacamos que essa ferramenta oportuniza também um aprendizado baseado em experiências histórico-cultural no qual a partir de ações proativas professores e estudantes constrói e reconstrói valores e ideias baseado em uma problematização que favorece um ambiente colaborativo e significativo de aprendizagem.

Palavras-chave: Educação Matemática; Educação Financeira; Narrativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elaine de Sousa Teodosio, Secretaria de Estado de Educação do Ceará

Mestra em Matemática em Rede Nacional pela Universidades Federal do Ceará (UFC). Técnica em Formação Docente na Secretaria de Educação do Ceará (Seduc/Crede 1).

Referências

ARAÚJO, Regina Magna Bonifácio de. Alfabetização econômica: compromisso social na educação das crianças. São Bernardo do Campo: Universidade Metodista de São Paulo, 2009

BRASIL. Orientações Educacionais Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN+). Ciências da Natureza e Matemática e suas tecnologias. Brasília: MEC, 2006

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Brasília: MEC, 2018

BERBEL, N.A.N. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, Londrina, v. 32, n. 1, p. 25-40, jan-jun. 2011.

COUTINHO, C. Q. S.; TEIXEIRA, J. A educação matemática e o seu papel na construção da educação financeira. In.: VII CIBEM, Montevideo, Uruguay, 2013.

D'AMBROSIO, Ubiratan. Educação Matemática: da teoria à prática. Campinas: Papirus, 2012.

DIESEL, A., BALDEZ, A.L.S., MARTINS, S.N. Os princípios das metodologias ativas de ensino: uma abordagem teórica. Revista Thema, v.14, n.1. p. 268-288, 2017.

M. Valença, M., & Balthazar Tostes, A. P. (2019). O Storytelling como ferramenta de aprendizado ativo. Carta Internacional, v. 14, n. 2, p. 221-243, 2019. https://doi.org/10.21530/ci.v14n2.2019.917

RADFORD, L. De la teoría de la objetivación. Revista Latinoamericana de Etnomatemática. Vol. 7, Nº. 2, junio-septiembre de 2014

SILVA, Arlam Dielcio Pontes. Educação Financeira em Aulas de Matemática: ambientes de aprendizagem a partir de atividades propostas em livros didáticos. In: ENCONTRO BRASILEIRO DE ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 23., 2016. Curitiba, PR

Downloads

Publicado

2021-06-17

Como Citar

TEODOSIO, E. de S. Storytelling como uma metodologia ativa no ensino de Matemática. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, [S. l.], v. 8, n. 23, p. 258–268, 2021. DOI: 10.30938/bocehm.v8i23.5099. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/5099. Acesso em: 29 jun. 2022.

Edição

Seção

GT02 - Educação Matemática nos Anos Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio