Dominó

A matemática e a estratégia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30938/bocehm.v8i23.5007

Palavras-chave:

Projeto de extensão, Matemática do cotidiano, Pandemia, Dominó, Ensino de Matemática

Resumo

Este texto tem como objetivo relatar a experiência do projeto de extensão “Sem mais nem menos” da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) que, durante a pandemia, aplicou de maneira remota atividades com os temas: música, esporte, jogos e família, para estudantes do ensino fundamental II e ensino médio utilizando materiais de fácil acesso. Aqui, trataremos especificamente sobre a elaboração e aplicação da atividade denominada “Dominó: a matemática e a estratégia”, que trabalha a matemática presente nas peças do dominó e em estratégias desse jogo de tabuleiro. A atividade é dividida em duas partes: a primeira, dedicada à elaboração das peças por meio de um vídeo prévio que, além de envolver o estudante no manuseio de materiais, aprimorando sua cognição matemática, possibilita ao estudante visualizar uma matemática mais acessível; a segunda, dedicada a compreender a matemática presente na construção das peças e na estratégia de algumas jogadas, e, por fim, pôr em prática esses conhecimentos numa partida do jogo. As fontes utilizadas para escrita desse artigo foram os materiais enviados pelos estudantes (imagens das construções e respostas ao questionário feito após a live) e documentos de pré-análise das respostas, realizados pelos respectivos professores. Concluímos que, além de apresentar uma matemática prazerosa, a atividade ampliou o olhar dos estudantes sobre a disciplina e desmistificou o fato de ser algo distante e inacessível. Ao participarem da construção de seu próprio conhecimento, os estudantes conseguiram se sentir mais familiarizados com o conteúdo e seus professores também ficaram satisfeitos com a atividade por levar a matemática através de um jogo simples e muito conhecido, que além de poder ser utilizado para ensinar assuntos de forma dinâmica, mostra que a matemática está por trás de tudo, inclusive em uma brincadeira.

Palavras-chave: Projeto de extensão; Matemática do cotidiano; Pandemia; Dominó; Ensino de matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Tayná Elias dos Santos, Universidade Federal de Alagoas

Licencianda em Matemática pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal)

Elisa Fonseca Sena e Silva, Universidade Federal de Alagoas

Doutora em Educação pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Docente do Instituto de Matemática da Universidade Federal de Alagoas (Ufal)

Nickson Deyvis da Silva Correia, Universidade Federal de Alagoas

Mestrando em Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), campus A. C. Simões. Licenciado em Matemática pela UFAL, campus A.C. Simões. Possui o Curso-Técnico-Profissionalizante em Técnico em Química - Eixo Tecnológico Controle e Processos Industriais pelo Instituto Federal de Alagoas (IFAL) - Matriz. Membro do Grupo de Pesquisa 'História da Matemática e Educação Matemática' da UFAL. Colaborador no projeto de extensão 'Sem mais nem menos on-line' do Instituto de Matemática da UFAL. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em História da Matemática, História da Educação Matemática, Educação Matemática e Ensino de Matemática.

Referências

BOALER, Jo. Mentalidades matemáticas: estimulando o potencial dos estudantes por meio da matemática criativa, das mensagens inspiradoras e do ensino inovador. Porto Alegre: Penso, 2018.

BOALER, Jo. O que a matemática tem a ver com isso? Porto Alegre: Penso, 2019.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC): educação é a base. Brasília: MEC/Consed/Undime, 2018. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em: 28 fev. 2021.

CORTELLA, Mario Sergio. Educação, escola e docência: novos tempos, novas atitudes. São Paulo: Cortez, 2014.

D’AMBROSIO, Ubiratan. Educação Matemática: da teoria à prática. Campinas: Papirus, 2014.

SANTOS, Viviane de Oliveira; ALBUQUERQUE, Erenilda Severina da Conceição; SANTOS, Késsia Tatiane Rodrigues; OLIVEIRA, Wanessa Cavalcanti. Lives do Instagram envolvendo matemática no dia a dia: contribuições do Projeto “Sem mais nem menos online” para estudantes e professores da Educação Básica. Revista do Professor de Matemática Online (PMO). v. 9. n. 1. pp. 57-75. 2021. Disponível em:

http://pmo.sbm.org.br/wpcontent/uploads/sites/16/dlm_uploads/2021/02/art4_PMO_Chamada_Tematica_2020_SBM.pdf. Acesso em: 28 fev. 2021.

SEM MAIS NEM MENOS. Disponível em:

< https://sem-mais-nem-menos.webnode.com/>. Acesso em: 28 fev. 2021.

SILVA, Elisa Fonseca Sena; MEIRA, Ana Cristina Pinheiro Fernandes; SANTOS, Sarah Rafaely; SANTOS, Tayná Elias; SILVA, José Hilário Monteiro. Jogos Matemáticos com lápis e papel. ANPMAT, 2020. Disponível em: https://anpmat.org.br/wp-content/uploads/2020/12/ebook_Jogos_Matematicos_Simposio_Nacional_Final.pdf. Acesso em: 28 fev. 2021.

SILVA, Aparecida Francisco; KODAMA, Hélia Mtiko Yano. Dominós. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/2010/artigos_teses/MATEMATICA/Artigo_Kodama.pdf. Acesso em: 28 fev. 2021.

SMOLE, Katia Stocoo; DINIZ, Maria Ignez; MILANI, Estela. Cadernos do Mathema: Jogos de Matemática de 6º a 9º ano. Porto Alegre: Artmed, 2007.

Downloads

Publicado

2021-06-17

Como Citar

SANTOS, T. E. dos; SILVA, E. F. S. e .; CORREIA, N. D. da S. Dominó: A matemática e a estratégia. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, [S. l.], v. 8, n. 23, p. 358–372, 2021. DOI: 10.30938/bocehm.v8i23.5007. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/5007. Acesso em: 20 jul. 2024.

Edição

Seção

GT02 - Educação Matemática nos Anos Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio