Foco e Escopo

O Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM) é uma publicação da Universidade Estadual do Ceará (UECE) e do Grupo de Pesquisa em Educação e História da Matemática (GPEHM) elaborado por discentes, docentes e pesquisadores que estudam a História da Matemática e sua relação com a Educação Matemática. O BOCEHM é uma publicação quadrimestral de forma digital e impresso em que está aberto à colaboração de todos aqueles que estão atuando na área de Educação e História da Matemática e desejam participar deste processo de divulgação.

Processo de Avaliação pelos Pares

A avaliação de cada artigo é feita por pares pelo método double blind peer review. Isto é, cada artigo é avaliado por dois pareceristas ad hoc externos, especialistas na área e com elevada experiência e titulação acadêmica. Cada artigo é avaliado sem a identificação de autoria dos avaliadores e dos seus autores (avaliação cega). Ao receber o artigo o Editor responsável encaminha para dois avaliadores ad hoc cadastrados na Equipe de Avaliadores do Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM). Os avaliadores possuem uma semana (7 dias) para manifestar disponibilidade ou indisponibilidade para avaliar o manuscrito e, caso tenham disponibilidade, dispõem de mais três semanas (21 dias) para enviar o parecer conforme o formulário de avaliação do Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM).

Caso o avaliador não tenha disponibilidade, o Editor encaminha para um próximo avaliador até conseguir dois avaliadores disponíveis. As possibilidades de recomendações dos avaliadores são as seguintes: aceitável sem revisão; aceitável com alguma revisão; aceitável com ampla revisão; não aceitável (aceitável sem revisão implica na aprovação direta do manuscrito, nem necessidade de modificações e ajustes; aceitável com alguma revisão refere-se a aprovação do manuscrito, mas destacando necessidade de pequenos ajustes; aceitável com ampla revisão significa que o manuscrito pode ser publicado, mas carece de ajustes e modificações consideráveis no corpo do texto; não aceitável significa que o manuscrito não pode ser publicado). Após dois pareceres enviados ao Editor, caso ocorra divergências entre as recomendações (um aceitável e um não aceitável), o Editor envia o manuscrito para um terceiro avaliador ad hoc.

Após contar com os pareceres registrados no sistema, o Editor responsável toma uma decisão editorial. As possibilidades da decisão editorial são: Aceitar; Revisões Requeridas; Submeter a nova rodada; Rejeitar (Aceitar implica na aprovação direta do texto, sem necessidade de ajustes; Revisões Requerida implica na necessidade de atendimento nas recomendações dos avaliadores ad hoc; Submeter a nova rodada significa que o texto não foi aprovado, mas pode ser aprovado após os ajustes e uma nova avaliação pelos menos avaliadores ad hoc da primeira rodada; Rejeitar implica na recusa e não aceitação do manuscrito para publicação na Revista). Após registar a decisão editorial o Editor responsável encaminha um e-mail para o autor principal do artigo informando a decisão e disponibilizando os pareceres dos avaliadores. Caso o manuscrito seja aceito, o(s) autor(es) tem/têm até mês (30 dias) para enviar, ao Editor, via sistema da Revista, a versão final do manuscrito com as recomendações dos avaliadores e demais documentações exigidas para publicação. Todo o processo de submissão, avaliação e comunicação dos artigos submetidos ocorre pelo sistema eletrônica da Revista (OJS). Cada artigo submetido ao Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM) é avaliado por pares pelo método double blind peer review. Isto é, o artigo é avaliado por dois avaliadores ad hoc cadastrados no sistema e na Equipe de Avaliadores da Revista, designados de acordo com sua área de interesse, em um processo duplamente cego.

As políticas de publicação no Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM) são consideradas no processo de avaliação, bem como os seguintes aspectos:

1. Relevância e originalidade.
2. Rigor, precisão e objetividade na escrita.
3. Clareza e pertinência do problema de pesquisa e dos objetivos.
4. Fundamentação teórica adequada ao tema.
5. Adequação do título ao conteúdo.
6. Estrutura coerente.
7. Clareza na metodologia.
8. Apresentação de resultados e discussão pertinente.
9. Citações e referências adequadas ao conteúdo.
10. Inovação e contribuição os campos do Ensino, Educação e Disciplinares afins com Ensino (campo do Ensino de conteúdos associados às Ciências Humanas ou às Ciências Naturais).

Periodicidade

O Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM) dispõe do sistema de publicação contínua (rolling pass). Os manuscritos são publicados após sua aprovação e diagramação. O Expediente, contendo Sumário e Editorial, é publicado no fechamento do volume.


Taxas para submissão e publicação de textos (APC)

O Boletim Cearense de Educação e História da Matemática (BOCEHM) não cobra taxas (APCs) de submissão e tampouco para edição e publicação dos artigos.

Política de ética e boas práticas na publicação

O BOCEHM é um periódico com arbitragem científica, objetivando assegurar os mais elevados padrões de ética na publicação. Desse modo, é relevante e necessária a concordância dos agentes envolvidos no processo de publicação - Editores, Conselho Editorial, Conselho Científico, Pareceristas ad hoc e Autores - relacionada aos padrões de comportamento ético. Tomando-se como referência o Código de Conduta e Normas de Boas Práticas para Editores de Periódicos do Committee on Publication Ethics (COPE – http://publicationethics.org/), são considerados os princípios que seguem.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Política Livre de Plágio

No BOCEHM todos os artigos submetidos passam por softwares pde anti-plágio para a detecção de plágio antes de ser encaminhado aos avaliadores. Os trabalhos que contiverem indícios de plágio ou autoplágio serão prontamente rejeitados e arquivados.

Política de direitos autorais

O BOCEHM utiliza-se da Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0). Portanto, permite que os autores mantenham seus direitos autorais sem restriçõesos nos artigos e demais trabalhos publicados.

Política de auto-arquivo

O BOCEHM permite o auto-arquivo em sites pessoais, repositórios institucionais, repositórios temáticos, etc. O auto-arquivo ou depósito dos trabalhos pode ser feito no momento da publicação dos artigos. A versão do publicado pode ser usada para este depósito é a pós-impressão (versão editorial).