Uma proposta de atividade sobre relações trigonométricas para o 2º ano do ensino médio a partir do astrolábio náutico

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30938/bocehm.v11i32.12301

Palavras-chave:

Relações trigonométricas, Astrolábio Náutico, Teoria das Situações Didáticas

Resumo

No que diz respeito à Educação Matemática, o uso da História da Matemática tem se tornado cada vez mais frequente, principalmente por meio de estudo, construção e uso de instrumentos náuticos, sobretudo em contexto de ensino e aprendizagem na formação inicial de professores. Diante do exposto, e cientes da importância dessa proposta de trabalho para a divulgação científica e educacional no contexto cearense, decidimos elaborar este trabalho, voltado especialmente para a Educação Básica. Diante disso, e em meio à diversidade de instrumentos disponíveis para estudo, definimos o Astrolábio Náutico como instrumento a ser utilizado para este estudo, principalmente pelas muitas possibilidades para se ensinar Matemática por meio de seu uso. Dessa forma, cabe destacar que nosso objetivo é apresentar uma proposta de atividade com o Astrolábio Náutico sobre relações trigonométricas no triângulo retângulo a ser desenvolvida com estudantes do 2º ano do Ensino Médio, com o aporte teórico da Teoria das Situações Didáticas. A pesquisa é embasada por uma abordagem qualitativa e se desenvolve de forma exploratória. Esse trabalho permitiu um maior contato com os instrumentos náuticos, sobretudo o Astrolábio, principalmente por meio da leitura da obra Arte de Navegar, de Simão de Oliveira. Também foi possível conhecer a Teoria das Situações Didática e estudá-la de forma mais aprofundada. Além disso, esta pesquisa possibilitou um maior contato com a História da Matemática. Esperamos que esse trabalho ajude professores e alunos a discutirem o conhecimento matemático a partir de situações práticas de medição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Patrick de Oliveira Sousa, Universidade Estadual do Ceará - UECE

Aluno do curso de Licenciatura em Matemática da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos, campus da Universidade Estadual do Ceará em Limoeiro do Norte.

Francisco Wagner Soares Oliveira, Universidade Estadual do Ceará - UECE

Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Mestre em Ensino de Ciências e Matemática pelo Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (PGECM/IFCE) (2019), especialista em Metodologia do ensino de matemática e física pela Universidade Candido Mendes (2018), graduado em Licenciatura Plena em Matemática pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - Campus Canindé (2017). Formador regional do MaisPaic na CREDE 7 Canindé na área de matemática nos anos finais do ensino fundamental (2019). Possui experiência como docente em matemática no Colégio Estadual Nazaré Guerra e como bolsista de iniciação à docência do Pibid de Matemática do IFCE Campus Canindé. Membro do Grupo de Pesquisa em Educação e História da Matemática (GPEHM/UECE).

Referências

ALMOULOUD, Saddo Ag. Fundamentos da didática da matemática / Saddo Ag Almouloud. – Curitiba: Ed. UFPR, 2007.

ALVARENGA, André Martins; VASCONCELOS, Francelina Elena Oliveira; DEPONTI, Maria Aparecida Monteiro; BRITO, Patrícia Marsnak; PERIPOLLI, Simone Felin. Educação Matemática e Astronomia. O PIBID na URI III, Frederico Westphalen, v. 2, p. 184-190, 2013.

AMARANTE, Rebeca Oliveira; PEREIRA, Ana Carolina Costa. Uma proposta de UBP para o Ensino de Matemática: mobilizando conhecimentos geométricos durante o processo de leitura da construção do instrumento astrolábio náutico. Revista Eletrônica de Educação Matemática, v. 18, p. 1-22, 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2018.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GROENWALD, Claudia Lisete Oliveira; SAUER, Lisandra de Oliveira; FRANKE, Rosvita Fuelber. A história da matemática como recurso didático para o ensino da teoria dos números e a aprendizagem da matemática no ensino básico. Paradigma, v. 26, n. 2, p. 35-55, 2005.

MOTA, Thamires de Brito; JUCÁ, Rosineide Sousa; PINHEIRO, Carlos Alberto de Miranda. Uma análise de erros nas relações trigonométricas no triângulo retângulo. In: XI Encontro Nacional De Educação Matemática, 2013, Curitiba. Anais do XI Encontro Nacional de Educação Matemática.

NEVES, José Luis. Pesquisa qualitativa: características, usos e possibilidades. Caderno de pesquisas em administração, São Paulo, v. 1, n. 3, p. 1-5, 1996.

OLIVEIRA, David Alisson Uchôa de. As Grandes Navegações: aspectos matemáticos de alguns instrumentos náuticos. 2017. 69 f. Dissertação (Mestrado), Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2017.

OLIVEIRA, Francisco Wagner Soares. O instrumento jacente no plano na transição da geometria plana para a espacial na formação de professores. 2023. 149 f. Tese (Doutorado em 2023) - Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2023.

OLIVEIRA, Francisco Wagner Soares. Os momentos da teoria das situações didáticas no ensino de matemática. REMAT: Revista Eletrônica da Matemática, v. 4, n. 2, p. 10-20, 2018.

OLIVEIRA, Simão de. Arte de navegar. Lisboa: Oficina de Pedro Crasbeeck. 1606.

PEREIRA, Ana Carolina Costa; SAITO, Fumikazu. Os conceitos de perpendicularidade e de paralelismo mobilizados em uma atividade com o uso do báculo (1636) de Petrus Ramus. Educação Matemática Pesquisa, Consolação, SP, v. 21, p. 405-432, 2019.

SAITO, Fumikazu; DIAS, Marisa da Silva. Interface entre história da matemática e ensino: uma atividade desenvolvida com base num documento do século XVI. Ciências & Educação (Bauru), São Paulo, v. 19, n. 1, p. 89-111, 2013.

SILVA, Jardel Wylamy Melão da. O astrolábio como facilitador no ensino da trigonometria do ensino fundamental. 2022. 72 f. Dissertação (Mestrado), Universidade Estadual do Maranhão, São Luís, 2022.

TAVARES, Marina Oliveira; PEREIRA, Ana Carolina Costa. A UBP e sua inserção no ensino de Matemática: Uma proposta utilizando a obra Matemática Lúdica de Leon Battista Alberti (1404–1472). Revista BOEM, v. 5, n. 8, p. 21-36.

Downloads

Publicado

2024-05-01

Como Citar

SOUSA, P. de O.; OLIVEIRA, F. W. S. Uma proposta de atividade sobre relações trigonométricas para o 2º ano do ensino médio a partir do astrolábio náutico. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, [S. l.], v. 11, n. 32, p. 1–18, 2024. DOI: 10.30938/bocehm.v11i32.12301. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/12301. Acesso em: 24 jul. 2024.