Análise de indicadores docentes em escolas de alto e baixo desempenho da rede pública estadual do Ceará

Palavras-chave: Indicadores docentes, Indicadores de desempenho, Formação docente, Esforço docente

Resumo

Os indicadores docentes são instrumentos estatísticos utilizados como suporte na compreensão da evolução da qualidade educacional ofertada por redes e instituições de ensino, eles permitem entender a influência que as características do trabalho docente têm no processo de ensino e aprendizagem. Esse artigo tem como objetivo a análise dos dados relativos aos indicadores docentes de duas escolas da rede pública estadual do Ceará que na edição do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (SPAECE) de 2019 figuraram, entre o grupo das dez escolas de melhor e menor desempenho. Utilizou-se abordagem quanti-quali, com estatística descritiva para analisar os indicadores citados e revisão de documentos legais e trabalhos científicos que tratam sobre o tema. A pesquisa mostrou que fatores como o nível de formação docente, a adequação da formação docente e o índice de esforço docente podem influenciar nos indicadores de desempenho acadêmico.

Biografia do Autor

Luciano Nery Ferreira Filho, Universidade Estadual do Ceará

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Estadual do Ceará (UECE), Professor efetivo da Secretaria da Educação do Estado do Ceará (SEDUC/CE).

Mariana Cristina Alves de Abreu, Universidade Estadual do Ceará

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Estadual do Ceará (UECE), Professora efetiva da Secretaria da Educação do Município de Fortaleza (SME/CE).

Francisco Edmar Pereira Neto, Universidade Estadual do Ceará

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Professor Assistente da Universidade Estadual do Ceará.

Referências

ANDRIOLA, Wagner Bandeira; ARAÚJO, Adriana Castro. Uso de indicadores para avaliação diagnóstica de Instituições de Ensino Superior (IES): estudo de caso da Universidade Federal do Ceará (UFC). In XVI Coloquio Internacional de Gestión Universitaria -CIGU. Anais. Arequipa – Perú, 2016.

BAUER, Adriana; SOUZA, Sandra Zákia. Indicadores para avaliação de programas educacionais: desafios metodológicos. Ensaio: aval. pol. públ. Educ., Rio de Janeiro, v. 23, n. 86, p. 259-284, jan./mar, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-40362015000100010.

BRASIL. Decreto 3.2176 de 6 de dezembro de 1999. Dispõe sobre a formação em nível superior de professores para atuar na educação básica, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 1999. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D3276.htm. Acesso em 13 de jul. 2020.

BRASIL. Lei 12.796 de 4 de abril de 2013. Altera a Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para dispor sobre a formação dos profissionais da educação e dar outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2013. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2013/Lei/L12796.htm. Acesso em: 13 de jul. 2020.

BRASIL. Lei 13.415 de 16 de fevereiro de 2017. Altera as Leis n º 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e 11.494, de 20 de junho 2007, que regulamenta o FUNDEB, a Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e o Decreto-Lei nº 236, de 28 de fevereiro de 1967; revoga a Lei nº 11.161, de 5 de agosto de 2005; e institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Diário Oficial da União, Brasília, 2017. Disponível em: https://legis.senado.leg.br/norma/602639#:~:text=ALTERA%20AS%20LEIS%20N%C2%BAS%209.394,LEIS%20DO%20TRABALHO%20%2D%20CLT%2C%20APROVADA. Acesso em: 13 de jul. 2020.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. N.9394/96. Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 13 de jul. 2020.

CEARÁ. Lei Complementar Nº 22, de 24 de julho de 2000. Dispõe sobre a Contratação de Docentes, por tempo determinado, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público nas Escolas Estaduais. Diário Oficial do Estado do Ceará, Fortaleza, 2000. Disponível em: https://belt.al.ce.gov.br/index.php/legislacao-do-ceara/organizacao-tematica/trabalho-administracao-e-servico-publico/item/5193-lei-complementar-n-22-de-24-07-00-do-02-08-00. Acesso em 13 de jul. 2020.

CNE/CP. Resolução nº 2, de 19 de fevereiro de 2002. Institui a duração e a carga horária dos cursos de licenciatura, de graduação plena, de formação de professores da Educação Básica em nível superior. Diário Oficial da União, Brasília, 2010. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CP022002.pdf. Acesso em 13 de jul. 2020.

COHEN, Louis; MANION, Lawrence; MORRISON, Keith. Research Methods in Education. 8. ed. Londres: Routledge, 2018.

GUBA, Egon G.; LINCOLN, Yvonna S. Competing paradigms in qualitative research. In: DENZIN, N. K.; LINCOLN, Y. S. (Eds.). Handbook of qualitative research. Thousand Oaks/California: SAGE, p. 105-117, 1994. Disponível em: https://eclass.uoa.gr/modules/document/file.php/PPP356/Guba%20%26%20Lincoln%201994.pdf. Acesso em 20 de jul. 2020.

JOHNSON, R. Burke; ONWUEGBUZIE, Anthony J. Mixed methods research: a research paradigm whose time has come. Educational Researcher, v. 33, n. 7, p. 14–26, 2004. DOI: https://doi.org/10.3102/0013189X033007014.

KLEIN, Rubem. Como está a educação no Brasil? O que fazer?. Revista Ensaio: aval. pol. públ. Educ., Rio de Janeiro, v.14, n.51, p. 139-172, abr./jun, 2006. Disponível em: < http://revistas.cesgranrio.org.br/index.php/ensaio/article/view/692>. Acesso em: 29 de mai. 2020.

KLEIN, Rubem; FONTANIVE, Nilma. Alguns indicadores educacionais de qualidade no brasil de hoje. São Paulo Perspec., São Paulo, v. 23, n. 1, p. 19-28, jan./jun, 2009. Disponível em: <https://produtos.seade.gov.br/produtos/spp/v23n01/v23n01_02.pdf>. Acesso em: 29 de mai. 2020.

MEC/INEP. Nota técnica nº 020/2014: Indicador de adequação da formação docente da educação básica. Brasília, 2014. Disponível em: http://download.inep.gov.br/educacao_basica/prova_brasil_saeb/resultados/2013/nota_tecnica_indicador_de_adequacao_da_formacao_do_docente_da_educacao_basica.pdf. Acesso em 13 de jul. 2020.

MEC/INEP. Nota técnica nº 039/2014. Indicador de Esforço Docente. Brasília, 2014. Disponível em: http://download.inep.gov.br/informacoes_estatisticas/indicadores_educacionais/2014/docente_esforco/nota_tecnica_indicador_docente_esforco.pdf. Acesso em 13 de jul. 2020.

SAMPIERI, Roberto Hernandéz; CALLADO, Carlos Fernandéz; LUCIO, Maria del Pilar Baptista. Metodología de la investigación. 5. ed. Mcgraw-hill/interamericana editores, s.a. de c.v., México, 2010. Disponível em: https://www.esup.edu.pe/descargas/dep_investigacion/Metodologia%20de%20la%20investigaci%C3%B3n%205ta%20Edici%C3%B3n.pdf. Acesso em 20 de jul. 2020.

SANTOS, Maria Adriana Borges dos; FERREIRA, Heraldo Simões; SIMÕES, Luiza Lúcia Feitosa. Formação de professor e profissionalismo: reflexões acerca da avaliação externa. Revista Educação & Formação, Fortaleza, v. 4, n. 11, p. 161-178, maio/ago. 2019. DOI: https://doi.org/10.25053/redufor.v4i11.896.

SILVA, Roselaine Iankowski Correa da; PAIM, Robson Olivino. Condições de docência nas redes municipais de ensino na microrregião geográfica de Erechim (2013-2016). Anais do VIII SEPE – Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFFS. Campus Erechim, RS, v. 8, n. 1, 2018. ISSN: 2317-7489. Disponível em: https://portaleventos.uffs.edu.br/index.php/SEPE-UFFS/article/view/9180. Acesso em 13 de jul. 2020.

SOUSA, Leandro Araujo de; BRAGA, Adriana Eufrásio. Testes educacionais em larga escala: aspectos políticos, pedagógicos e metodológicos. Educação & Linguagem, v. 7, n. 2, p. 01-11, jun., 2020. Disponível em: https://www.fvj.br/revista/wp-content/uploads/2020/07/1_REdLi_2020.ESPECIAL_2.pdf. Acesso em: 17 de jul. 2020.

SOUSA, Maria Lilian Imbiriba; SOARES, Lucas de Vasconcelos. Avaliação educacional ou política de resultados?. Educação & Formação, Fortaleza, v. 5, n. 3, p. 1-24, set./dez., 2020. DOI: https://doi.org/10.25053/redufor.v5i15set/dez.2951.

XEREZ, Antonia Solange Pinheiro; COSTA, Frederico Jorge Ferreira; SANTOS, José Deribaldo Gomes dos. Educação profissional integrada ao nível médio no Ceará: reformas e contradições. Educação & Formação, v. 2, n. 1, p. 204-223, 2 jan. 2017. DOI: https://doi.org/10.25053/edufor.v2i4.2266 .

Publicado
2020-01-02
Como Citar
FERREIRA FILHO, L.; ALVES DE ABREU, M.; PEREIRA NETO, F. Análise de indicadores docentes em escolas de alto e baixo desempenho da rede pública estadual do Ceará. Revista de Instrumentos, Modelos e Políticas em Avaliação Educacional, v. 1, n. 1, p. e020001, 2 jan. 2020.