UTILIZANDO RECURSOS DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA

O USO DE UM MÉTODO DA MATEMÁTICA VÉDICA PARA O ENSINO DE MULTIPLICAÇÃO

  • Ulysses Fernandes do Nascimento Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará
  • Antonia Naiara de Sousa Batista Universidade Estadual do Ceará
Palavras-chave: Matemática Védica, Vedic Mathematics or Sixteen Simple Mathematical Formulae from the Vedas, Ensino de multiplicação

Resumo

O ensino de aritmética, em especial, de multiplicação por vezes se manifesta como uma dificuldade na Educação Básica, desmotivando os alunos no ensino da matemática. Assim, vimos nos recursos e estratégias que a história da matemática oferece, em particular, em documentos originais, como Vedic Mathematics or Sixteen Simple Mathematical Formulae from the Vedas (1965), escrito por Jagadguru Sankaracarya Sri Bharati Krsna Tirtha Maharaja (1884 - 1960), a possibilidade de trabalhar questões voltadas para o ensino da multiplicação. Este documento apresenta técnicas aritméticas simples, fundamentadas em sutras, que compreendem adições, subtrações, multiplicações, divisões, equações do primeiro e segundo grau, extração de raízes quadradas e cúbicas, entre outros. O objetivo desse estudo é apresentar uma proposta de atividade baseado no método védico, para auxiliar no ensino da multiplicação em series finais do ensino fundamental, em especial, do 6o ano. Essa proposta consiste na multiplicação de dois números com dois algarismos no multiplicando e no multiplicador envolvendo os sutras. Os sutras são orientações, aforismas, presentes no documento que deve ser compreendido e aplicado de forma adequada para o educando. Por meio dessa atividade os alunos vão desenvolver conceitos relacionados a ordem das centenas, dezenas e unidades, ou seja, aprender a questão do valor relativo de um número, além de desenvolver novas formas de multiplicação. Desta maneira, esse estudo foi realizado no sentido de contribuir para a articulação da educação matemática com a história da matemática, com vista a contribuir para o ensino de multiplicação. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática: Terceiro e Quarto ciclos do Ensino Fundamental. Brasília: Mec, 1998. 148 p.

CHAQUIAM, Miguel. Ensaios Temáticos: História e Matemática em sala de aula. Belém: Sbem/sbem-pa, 2017.

FERREIRA, A. Paulo. Ecos Imprevistos. O logo dos Jogos Olímpicos de Londres e os casos Zion-Lisa. 2012. http://armpauloferreira.blogspot.pt/2012/07/o-logo-dos-jogosolimpicos-delondres.html (consultado dia 01 de maio de 2019).

GASPAR, Maria Terezinha Jesus. Aspectos do Desenvolvimento do Pensamento Geométrico em Algumas Civilizações e Povos e A Formação de Professores. 2003. 318 f. Tese (Doutorado) - Curso de Programa de Pós-graduação em Educação Matemática, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2003.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas S. A., 2010.

GOULART, Ana Teresa et al. Dificuldade no Aprendizado de Matemática: Percepção de estudantes de duas escolas públicas de Anita Garibaldi. Revista Científico, Fortaleza, v. 18, n. 37, p.15-42, jun. 2018. Semestral. Disponível em: . Acesso em: 01 maio 2019.

MAHARAJA, Jagadguru Sankaracarya Sri Bharati Krishna Tirtha. Vedic Mathematics or sixteen simple mathematical formulae from the vedas. Delhi: Motilal Banarsidass, 1965.

PRABHUPADA, A. C. Bhakitivedanta Swami. Bhagava-Gita: Como Ele É. 4. ed. São Paulo: The Bhakitivedanta Book Trust, 2008. 978 p.

ROMÃO, Freud. Matemática Védica no ensino das quatro operações. 2013. 145 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Programa de Pós-graduação no Ensino de Ciências Naturais e Matemática, Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.

SAITO, Fumikazu. (2013). Instrumentos e o "saber-fazer" matemático no século XVI. Revista Tecnologia e Sociedade. 1. 1-9. 10.3895/rts.v9n18.2627.

Publicado
2020-04-11
Como Citar
NASCIMENTO, U.; BATISTA, A. UTILIZANDO RECURSOS DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, v. 7, n. 19, p. 91 - 102, 11 abr. 2020.