Prática Docente, Experiência Formadora, Ensino Remoto em Tempos de Covid-19

Autores

Palavras-chave:

Prática Docente, Ensino Remoto, Narrativa (auto)biográfica, Experiência Formadora

Resumo

O artigo tem como objetivo compreender o impacto da pandemia no cenário escolar e as ressignificações docentes no ensino remoto, assim como relacionar com os desafios da coordenação pedagógica na mediação para uma experiência docente transformadora. Como aporte metodológico, recorremos à pesquisa (auto)biográfica, realizada com um grupo de 06 professores/as, em uma instituição escolar particular no município de Sobral – Ce, onde atuo como coordenadora pedagógica. Os principais autores que orientam as reflexões são: Freire (1996); Nóvoa (2020), Gatti (2020), Josso (2004,2016), entre outros. Consideramos que a mediação coletiva que envolveu as ações da coordenação pedagógica junto ao grupo de professores/as apoiou o processo de adaptação às novas tecnologias digitais, no espaço escolar em tempo de pandemia do novo coronavírus. Assim, tivemos uma experiência de formação (trans)formadora que envolveu o coletivo profissional docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula Martins Farias Vasconcelos, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Mestranda em Ensino e Formação Docente (PPGEF UNILAB-IFCE). Pedagoga, Habilitada em Administração Escolar pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Especialista em Educ. a Distância (UNOPAR). Membro do GEPAS e Coordenadora Pedagógica dos Ensinos Fundamental (SF) e Médio.

Andrea Abreu Astigarraga, Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Ceará - UFC. Coordenadora do Grupo de Estudos e Pesquisas (auto)biográficas - GEPAS.

Referências

BRASIL. Decreto nº 343 de 17 de março de 2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais enquanto durar a situação de pandemia do Novo Coronavírus - COVID-19. Disponível em: https://www.gov.br/mec/ptbr/media/acesso_informacacao/pdf/PORTARIAN342DE17DEMARODE2020DelegacompetnciaaoSecretrioExecutivo.pdf Acesso em: 10 jun. 2021.

GATTI, B. A. Possível reconfiguração dos modelos educacionais pós-pandemia. Estudos avançados, 34 (100), 2020. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ea/a/7M6bwtNMyv7BqzDfKHFqxfh/?lang=pt&format=pdf Acesso em: 11 jun. 2021.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. São Paulo: Paz e Terra.1996.

JOSSO, Marie-Christine. Experiências de vida e formação. São Paulo: Cortez, 2004.

JOSSO, Marie-Christine. Processo Autobiográfico do Conhecimento da Identidade Evolutiva Singular-Plural e o Conhecimento da Epistemologia Existencial. In: ABRAHÃO, Maria Helena Menna Barreto; FRISON, Lourdes Maria Bragagnolo; BARREIRO, Cristhianny Bento (Orgs.). A nova aventura (Auto)biográfica – Tomo I. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2016.

NOVOA, A. A pandemia de Covid-19 e o futuro da Educação. Revista Com Censo #22. Volume 7. Número 3. Agosto, 2020. Disponível em: http://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/905/551 Acesso em: 11 jun. 2021.

Publicado

2021-07-22

Como Citar

Vasconcelos, A. P. M. F., & Astigarraga, A. A. . (2021). Prática Docente, Experiência Formadora, Ensino Remoto em Tempos de Covid-19. Ensino Em Perspectivas, 2(1), 1–11. Recuperado de https://revistas.uece.br/index.php/ensinoemperspectivas/article/view/5972

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)