WILLIAM OUGHTRED (1574-1660) NO CONTEXTO DO SÉCULO XVII

TRATADOS E O ENSINO DE MATEMÁTICA

Palavras-chave: William Oughtred;, Século XVII;, Tratados;, Ensino de Matemática;

Resumo

Na constituição de pesquisas que visem articular a história com o ensino de matemática, é comum encontrar estudos sobre personalidades específicas, que foram consideradas marcos históricos quando se trata de alguns conteúdos matemáticos. Isso é fruto da vertente tradicional que ainda ocupa a maioria dos escritos históricos. Com isso, alguns personagens como William Oughtred, parecem ter sido esquecidos ou, pelo menos, não terem recebido uma atenção adequada em relação as suas contribuições para o desenvolvimento de tópicos relacionados as matemáticas e o ensino. Tendo em vista que no Brasil ainda há poucos estudos sobre ele, esse artigo intenta descrever a relação dos três principais tratados de William Oughtred com o ensino das matemáticas no século XVII. Para isso, a pesquisa se constituiu como qualitativa e seu aporte foi de base bibliográfica e documental. Assim, teve-se como principais materiais de estudo, textos de uma rede histórica, publicados por William Oughtred, tais como, Clavis Matematicae, Trigonometrie, The Circles of Proportion and the Horizontal Instrvment, dentre outros. A partir disso, nota-se que, naquele período, as obras de William Oughtred foram bastante respeitadas e influenciaram os estudiosos da época. Além disso, apesar de não apresentar nenhum documento a respeito disso, Oughtred tinha uma “ideia didático-pedagógica” de como ensinar matemática e isso é evidenciado através da forma como suas obras foram organizadas. Desse modo, pode-se dizer que os registros de Oughtred, tratados sob uma perspectiva historiográfica atualizada, podem ser incorporados em uma rede de ideias que auxiliam no entendimento a respeito da construção de conhecimentos matemáticos, colaborando para o desenvolvimento de pesquisas que tratem do ensino de matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Verusca Batista Alves, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia

Mestra em Ensino de Ciências e Matemática pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE/2020). Licenciada em Matemática pela Universidade Estadual do Ceará (UECE/2017), faz parte do Grupo de Pesquisa em Educação e História da Matemática (GPEHM). Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Ensino de Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: História da Matemática, Educação Matemática, Instrumentos Históricos para o ensino, em específico a Régua de Cálculo Circular, Formação de Professores e Ensino de Matemática.

Referências

ALBUQUERQUE, Suziê Maria de. Um estudo sobre a articulação entre a multiplicação contida no Traité de Gerbert (1843) e o ensino na formação de professores de matemática. 2019. 145 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.

ALBUQUERQUE, Suziê Maria de; PEREIRA, Ana Carolina Costa. Uma análise preliminar do documento histórico Regula de Abaco Computi de autoria do matemático Gerbert de Aurilac (976 d.c). Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, Fortaleza, v. 5, n. 14, p.16-26, 2018. Disponível em: <https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/245/165>. Acesso em: 15 dez. 2019.

ALVES, Verusca Batista. Um estudo sobre os conhecimentos matemáticos mobilizados no manuseio do instrumento círculos de proporção de William Oughtred. 2019. 153 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.

ALVES, Verusca Batista; PEREIRA, Ana Carolina Costa. O instrumento “círculos de proporção” exposto na obra de William Oughtred (1633): um elemento na interface entre história e ensino de matemática. Revista de Produção Discente em Educação Matemática, São Paulo, v. 7, n. 2, p.89-108, 2018. Disponível em: <https://revistas.pucsp.br/pdemat/article/view/39043>. Acesso em: 13 dez. 2019.

ALVES, Verusca Batista; PEREIRA, Ana Carolina Costa. Breve análise da obra the description and use of the double horizontall dyall (1632) de William Oughtred. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, Fortaleza, v. 5, n. 14, p.64-74, 2018. Disponível em: <https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/238/169>. Acesso em: 15 dez. 2019.

BATISTA, Antonia Naiara de Sousa. Um estudo sobre os conhecimentos matemáticos incorporados e mobilizados na construção e no uso da balhestilha, inserida no documento Chronographia, Reportorio dos Tempos..., aplicado na formação de professores. 2018. 114f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.

BATISTA, Antonia Naiara de Sousa; PEREIRA, Ana Carolina Costa. Uma mostra geral de aspectos inseridos na obra Chronographia, Reportorio dos Tempos... (1603). Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, Fortaleza, v. 5, n. 14, p.75-84, 2018. Disponível em: <https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/249/171>. Acesso em: 15 dez. 2019.

BELTRAN, Maria Helena Roxo; SAITO, Fumikazu; TRINDADE, Laís dos Santos Pinto. História da Ciência para a formação de professores. São Paulo: Ed. Livraria da Física, 2014.

BROMBERG, Carla.; SAITO, Fumikazu. A história da matemática e a história da ciência. In: BELTRAN, Maria Helena Roxo; SAITO, Fumikazu; TRINDADE, Laís dos Santos Pinto. História da ciência: tópicos atuais. São Paulo: Livraria da Física, 2010. p. 47-71.

CAJORI, Florian. William Oughtred: a great seventeenth-century teacher of mathematics. Chicago: The Open Court Publishing Company, 1916.

CASTILLO, Ana Rebeca Miranda; SAITO, Fumikazu. Algumas considerações sobre o uso do báculo (baculum) na elaboração de atividades que articulam história e ensino de matemática. In: SALAZAR, Jesús Flores; GUERRA, Francisco Ugarte. Investigaciones En Educación Matemática. Lima: Fondo Editorial Pucp, 2016. p. 237-251.

CHAQUIAM, Miguel. História da Matemática em sala de aula: proposta para integração aos conteúdos matemáticos. São Paulo: Livraria da Física, 2015. 10 v. (História da Matemática para o Ensino).

HARKNESS, Deborah E. The Jewel House: Elizabethan London and the Scientific Revolution. London: Yale University Press, 2007.

HOPP, Peter M. Slide Rules: Their History, Models, and Makers. New Jersey: Astragal Press, 1999.

MENDES, Iran Abreu. Investigação Histórica no Ensino da Matemática. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2009.

MENDES, Iran Abreu. História da Matemática no Ensino: Entre trajetórias profissionais, epistemologias e pesquisas. São Paulo: Livraria da Física, 2015. (História da Matemática para Professores).

O'CONNOR, John Joseph; ROBERTSON, Edmund Frederick. The teaching of mathematics in Britain in the Seventeenth Century. 2000. School of Mathematics and Statistics University of St Andrews, Scotland. Disponível em: <http://mathshistory.st-andrews.ac.uk/Education/seventeenthc.html>. Acesso em: 23 dez. 2019.

OLIVEIRA, Francisco Wagner Soares. Sobre os conhecimentos geométricos incorporados na construção e no uso do instrumento jacente no plano de Pedro Nunes (1502-1578) na formação do professor de matemática. 2019. 200f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Ceará, Fortaleza, 2019

OUGHTRED, William. The Circles of Proportion and the Horizontal Instrvment. London: Augustine Mathewes, 1633.

_____. Key of Mathematicks. London: John Salusburn, 1694

_____. The Circles of Proportion and the Horizontal Instrvment. London: Elias Allen, 1632.

_____. Trigonometrie. London: Thomas Johnson, 1657.

PEREIRA, Ana Carolina Costa; SAITO, Fumikazu. A reconstrução do báculo de Petrus Ramus na interface entre história e ensino de matemática. Revista Cocar, Belém, v. 25, n. 13, p.342-372, jan./abr., 2019. Disponível em: <https://paginas.uepa.br/seer/index.php/cocar/article/view/2164/1085>. Acesso em: 15 dez. 2019.

PEREIRA, Ana Carolina Costa; SAITO, Fumikazu. Os instrumentos matemáticos na interface entre história e ensino de matemática: Compreendendo o cenário nacional nos últimos 10 anos. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, Fortaleza, v. 5, n. 14, p.109-122, 2018. Disponível em: <https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/225/174>. Acesso em: 15 dez. 2019.

SAITO, Fumikazu. História da matemática e suas (re) construções contextuais. São Paulo: Livraria da Física, 2015.

SAITO, Fumikazu. A pesquisa histórica e filosófica na educação matemática. Eventos Pedagógicos, n. 9, set. 2018. Disponível em: <http://sinop.unemat.br/projetos/revista/index.php/eventos/article/view/3204>. Acesso em: 15 dez. 2019.

SILVA, Isabelle Coelho da. Um estudo da incorporação de textos originais para a educação matemática: buscando critérios na articulação entre história e ensino. 2018. 92f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.

SOUSA, Giselle Costa de. História da Matemática e Tecnologias de Informação e da Comunicação. In: PEREIRA, Ana Carolina Costa; ALVES, Francisco Régis Vieira (Org.) Ciências e Matemática: investigações no ensino. Curitiba: CRV, 2016. p. 51-66.

Publicado
2020-07-14
Como Citar
ALVES, V. WILLIAM OUGHTRED (1574-1660) NO CONTEXTO DO SÉCULO XVII. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, v. 7, n. 20, p. 289-300, 14 jul. 2020.