COVID-19

como se proteger e conter a propagação no trabalho?

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47149/pemo.v3i2.4377

Palavras-chave:

Biossegurança, COVID 19, Saúde do Trabalhador

Resumo

A pandemia causada pela COVID-19 é um grande desafio para a saúde e tem exigido que o processo de trabalho seja considerado na elaboração e implantação de estratégias para o seu enfrentamento. A redução dos riscos inerentes ao trabalho, por meio de protocolos de higiene e biossegurança é um direito constitucional. Nesse sentido, esta cartilha tem como objetivo divulgar orientações relacionadas às práticas de biossegurança no campo da saúde do trabalhador com a adequação do ambiente e de condutas para a retomada gradual das atividades presenciais em período de pandemia. Este material é resultado de um projeto de extensão intitulado "Boas Práticas de Biossegurança e a Saúde do Trabalhador na Educação com o advento da COVID-19: como se proteger e conter a propagação?", que tem contribuído para a disseminação de informações que visem à diminuição de danos à saúde do trabalhador e de impactos psicossociais. Considerando a Saúde Coletiva como uma área multi e transdisciplinar, ela tem contribuído para o setor da educação por meio de estratégias de educação em saúde, visando adequações das condutas no trabalho envolvendo os diferentes segmentos de trabalhadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alba Regina Silva Medeiros, UFMT- Universidade Federal de Mato Grosso

Doutora em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Mato Grosso (2016 - 2020). Mestre em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT (2005-2007), Enfermeira pela Universidade Federal de Mato Grosso/UFMT (1983-1987), Cirurgiã dentista pela Universidade de Cuiabá/UNIC (1990-1994) e especialista em Administração nos Serviços de Saúde, Odontologia em Saúde Coletiva, Periodontia e Implantodontia. 

Simone Cristina Arruda, UFMT- Universidade Federal de Mato Grosso

Possui graduação em Direito pela Universidade de Cuiabá/UNIC. Especialista em Gestão Pública/UFMT. Especialista em Direito e Processo do Trabalho e Direito Previdenciário/ Fundação Escola Superior do Ministério Público de MT. Mestra em Direito pela UFMT, na linha de pesquisa Direitos Humanos e Fundamentais. Servidora técnico-administrativa da Universidade Federal de Mato Grosso

Nereide Lucia Martinelli, Instituto de Saúde Coletiva/Universidade Federal de Mato Grosso

Possui graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Mato Grosso (1983), graduação em Esquema I - Licenciatura curta pela Universidade do Oeste Paulista (1987) e mestrado em Saúde e Ambiente pela Universidade Federal de Mato Grosso (2000). Doutora em Ciências pela FMP/USP. Atualmente é docente vinculada ao Instituto de Saúde Coletiva/Universidade Federal de Mato Grosso. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Avaliação de Programas, atuando principalmente nos seguintes temas: Política, planejamento e gestão.

Neuciani Ferreira da Silva Sousa, Instituto de Saúde Coletiva/Universidade Federal de Mato Grosso

Nutricionista, Mestre em Saúde Coletiva/UFMT, Doutora em Saúde Coletiva/UNICAMP, Docente da Área de Epidemiologia do Departamento de Saúde Coletiva/ISC/UFMT.

Nara Regina Fava, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

Graduação em licenciatura em Pedagogia pela Universidade do Estado de Mato Grosso (1997). Curso Técnico em Segurança do Trabalho pelo SENAI Cáceres-MT (2008). Ministrou aula no Curso Técnico em Segurança do Trabalho no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial em Cáceres (2009-2013) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial em Cuiabá (2014). Especialista em Gestão Pública pela Universidade Federal de Mato Grosso (2014). Mestra em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Mato Grosso, na linha de pesquisa Diversidade Sócio-cultural, ambiente e trabalho (2020). Desde 2013 é servidora técnica administrativa em educação na área de segurança do trabalho. Supervisora Desenvolvimento Social e Saúde (2016-2017) e Supervisora de Higiene, Segurança e Medicina do Trabalho (2017-2018) da Coordenação de Assistência Social e Saúde do Servidor da UFMT.

Julia Maria Vicente de Assis, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

Bacharel (2017) e Mestranda (2019) em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Mato Grosso- UFMT. Especialização em Lato Senso em Regulação, Controle, Avaliação e Auditoria na Saúde (2018).  Linha de Pesquisa: Estudos do processo saúde-doença nas populações, sub-linha de pesquisa: Doenças endêmicas e epidêmicas: emergentes, (re)emergentes, riscos e vulnerabilidades.

Romero dos Santos Caló, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

Graduado em Biomedicina (UFMT 2017). Mestrando (2019) e graduando (2017) de Saúde Coletiva ambos na Universidade Federal do Mato Grosso. Bolsista de iniciação cientifica no laboratório de pesquisa de Fisiologia de Sistema Toxicologia Reprodutiva-FISIOTOX (2015 a 2017). Registrador de câncer na vigilância do câncer (SES/UFMT/ISC, 2020). Professor no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego - PRONATEC /Escola Técnica Estadual de Educação Profissional e Tecnológica de Cuiabá (SECITEC, 2017 - 2019). Tem experiência na área Saúde Coletiva com ênfase em Epidemiologia, Políticas de Saúde, Educação em Saúde e nas ciências básicas da biomedicina com ênfase na fisiologia do trato gastrintestinal, anatomia, patologia.

Carlos Roberto Bornemann, Instituto de Saúde Coletiva/Universidade Federal de Mato Grosso

Possui graduação em Tecnologia em Gestão Pública pela Universidade Anhanguera – Uniderp (2014). Atualmente é Técnico Administrativo da Universidade Federal de Mato Grosso

Daniele Arruda Bertoldi, UFMT- Universidade Federal de Mato Grosso

Graduanda em Publicidade e Propaganda na Universidade Federal de Mato Grosso. Assessoria de gestão de mídia (Social Media).

Adriano Aparecido de Oliveira, Universidade Federal de Mato Grosso /Secretário de Infraestrutura- Sinfra

Engenheiro Eletricista pela Universidade Federal de Mato Grosso (2012), Especialista Loto Senso em Gestão Pública em 2014 pela Universidade Federal de Mato Grosso. Servidor da Universidade Federal de Mato Grosso da carreira de técnico-administrativo, atualmente ocupa o cargo de Secretário de Infraestrutura.

Referências

ANVISA- Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Higienize as mãos: Salve vidas. Disponível em: http://www.anvisa.gov.br/servicosaude/controle/higienizacao_simplesmao.pdf. Acesso em 17/09/2020.

ANVISA-Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Nota Técnica sei/cosan/ghcos/dire3/anvisa no. 22/2020. Recomendações e alertas sobre procedimentos de desinfecção em locais públicos realizados durante a pandemia da COVID-19. Disponível em: http://portal.anvisa.gov.br/coronavirus/regulamentos . Acesso em: 02/08/2020.

BRANDENBURG, C.; Maciel, JCS., Baron, MV.; Costa, BE., et al. "Cartilha educação e saúde no combate a pandemia da (covid-19)", Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, 2020. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/3670 . Acesso em: 31/08/2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. O que é coronavírus? (COVID-19). 2020. Disponível em: https://coronavirus.saude.gov.br/ . Acesso em: 31/08/2020.

OMS- Organização Mundial da Saúde Brasil. Disponível em: https://www.paho.org/pt/covid19. Acesso 20/09/2020.

OMS-Organização Mundial da Saúde Brasil. OMS divulga novas diretrizes para enfrentamento da pandemia. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2020-06/oms-divulga-novas-diretrizes-para-enfrentamento-de-pandemia . Acesso em: 30/08/2020.

SOUZA WM de, BUSS LF, CANDIDO D da S, CARRERA JP, Li S, ZAREBSKI AE, et al. Epidemiological and clinical characteristics of the COVID-19 epidemic in Brazil. Nat Hum Behav. 2020.

TEIXEIRA, P.; VALLE S. Biossegurança: uma abordagem multidisciplinar. Rio de Janeiro: Fiocruz; 1996.

Publicado

2021-02-16

Como Citar

MEDEIROS, A. R. S.; ARRUDA, S. C.; MARTINELLI, N. L.; SOUSA, N. F. da S.; FAVA, N. R.; ASSIS, J. M. V. de; CALÓ, R. dos S.; BORNEMANN, C. R.; BERTOLDI, D. A.; OLIVEIRA, A. A. de. COVID-19: como se proteger e conter a propagação no trabalho?. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, [S. l.], v. 3, n. 2, p. e324377, 2021. DOI: 10.47149/pemo.v3i2.4377. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/4377. Acesso em: 18 maio. 2022.