https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/issue/feed Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo 2024-01-29T15:50:16-03:00 Editora Cristine Brandenburg rev.pemo@uece.br Open Journal Systems <p><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">A revista </span></span></span><strong><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">Prásticas Educativas, Memórias e Oralidades (Revpemo)</span></span></span></strong><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;"> é um periódico interdisciplinar da área de humanidades, editado pelo grupo de pesquisa de mesmo nome - PEMO, apoiado pelo CNPQ e vinculado ao Centro de Educação da Universidade Estadual. </span><span style="vertical-align: inherit;">do Ceará (CED/UECE). </span></span><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">Nosso objetivo é publicar artigos científicos e produtos educacionais nacionais e internacionais na área das ciências humanas, de forma interdisciplinar, que colabore com a ampliação do conhecimento relacionado à qualificação das práticas educativas e à valorização das memórias e oralidades dos alunos </span><span style="vertical-align: inherit;">e professores do ensino básico e superior. </span></span><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">Valoriza a educação e o ensino, disseminando conhecimentos na interface de dois cursos diversos – Pedagogia, História, Letras, Geografia, Filosofia, Ciências Sociais, Artes Visuais e afins. </span></span></span></p> <p><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">Qualis Capes 2017-2020: A3 Educação </span></span><br /><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">Prefixo DOI: 10.47149 </span></span><br /><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">e-ISSN: </span></span><span data-sheets-value="{&quot;1&quot;:2,&quot;2&quot;:&quot;2675-519X&quot;}" data-sheets-userformat="{&quot;2&quot;:14337,&quot;3&quot;:{&quot;1&quot;:0,&quot;3&quot;:1},&quot;14&quot;:{&quot;1&quot;:3,&quot;3&quot;:1},&quot;15&quot;:&quot;Arial&quot;,&quot;16&quot;:10}"><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">2675-519X</span></span></span></span></p> https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/10966 Práticas de acolhimento pedagógico e emocional desenvolvidas na Educação Infantil com crianças em processo de luto 2023-10-15T20:26:41-03:00 Brenna Lígia da Rocha Moura brennaligya3@gmail.com Jeriane da Silva Rabelo jerianerabelo@uece.br Isis Malheiro isismalheiro@ufpi.edu.br Ada Raquel Teixeira Mourão ada@hotmail.com <p>A experiência do luto faz parte da vida, no entanto, é pouco discutida nas práticas educacionais. O presente trabalho teve como objetivo compreender a vivência do luto na escola, em especial, em turmas de Educação Infantil. Do mesmo modo, discute-se sobre a elaboração de possíveis medidas para a implementação de ações pedagógicas de acolhimento emocional, a fim de encaminhar-se à qualidade do desenvolvimento integral da criança. Fundamentado a partir de documentos legais da área da Educação Infantil (Brasil, 1996; 2010) e autores como Fujisaka (2022) e Lustosa (2016) que pesquisam sobre o luto. Utilizou-se como metodologia uma revisão da literatura sobre o luto na educação infantil e um estudo de caso em uma instituição pública do Piauí. Conclui-se que o luto, no momento de pós-pandemia, ocasionou diversos problemas enfrentados pelas crianças e demais profissionais da Educação Infantil, de modo que muitas dessas complicações ainda não são possíveis de serem mensuradas com exatidão. A escola e seus profissionais devem articular ações a serem trabalhadas nesse contexto, considerando as possibilidades da instituição, com o intuito de cuidar das emoções das crianças nesse aspecto.</p> 2024-02-24T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Brenna Lígia da Rocha Moura, Jeriane da Silva Rabelo, Isis Malheiro, Ada Raquel Teixeira Mourão (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/12163 Narrativa sobre a criação da Escola Estadual Indígena Presidente Kennedy na Comunidade do Caju-Uiramutã-RR 2023-12-07T07:24:24-03:00 Denize Pereira da Silva denizepereiradasilva@gmail.com Karla Colares Vasconcelos karla.colaresufrr@gmail.com Sérgio Luiz Lopes sergio.lopes@ufrr.br <p>O objetivo deste estudo é descrever os resultados obtidos a partir de uma pesquisa bibliográfica, documental e de campo na Escola Estadual Indígena Presidente Kennedy, situada na Comunidade do Caju-Uiramutã-RR. Realizou-se entrevista semiestruturada com dois membros da comunidade como técnica de coleta de dados, fazendo uso da História Oral. Desse modo, os próprios indígenas narraram e documentaram a sua história. A justificativa é a compreensão do contexto educacional da Comunidade Indígena do Caju, visando obter conhecimento histórico e sociológico sobre o povo Macuxi. As categorias de análises foram: educação indígena e história da educação. Logo, o estudo realizado na escola pesquisada mostra um espaço privilegiado que contribui para a formação da Comunidade do Caju, a partir da experiência dos discentes e dos docentes. Conclui-se que o estudo é relevante no que diz respeito ao reconhecimento e à valorização das escolas indígenas, à autonomia e à construção do conhecimento, além de contribuir para o processo de construção coletiva da comunidade.</p> 2024-01-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Denize Pereira da Silva, Karla Colares Vasconcelos, Sérgio Luiz Lopes (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/10848 Eficiência técnica das escolas públicas municipais rurais e urbanas do estado do Ceará com análise das disciplinas de Português e Matemática 2023-11-06T09:29:45-03:00 Luan Oliveira dos Santos lods.luan@alu.ufc.br José Newton Pires Reis newton@ufc.br Ivan de Oliveira Holanda Filho ivanfilho@ymail.com Marcos Paulo Mesquita da Cruz marcos_paulo_mesquita@hotmail.com Medna N’dami mednaveira@gmail.com <p>A educação é fundamental para o progresso individual e coletivo, proporcionando oportunidades de crescimento e mobilidade social, além de influenciar diretamente a economia de um país através dos investimentos em seus cidadãos. O presente trabalho tem como objetivo principal analisar a eficiência das escolas urbanas e rurais no ensino fundamental no estado do Ceará. Ao analisar os resultados, observa-se que poucos municípios alcançaram o máximo nível de eficiência em cada modelo especificado, representando uma pequena porcentagem das localidades estudadas. Foi constatada uma diferença na eficiência entre as zonas rural e urbana, com o ambiente rural apresentando geralmente menor eficiência, contudo, os anos finais apresentam os maiores valores médios de eficiência, tanto na zona rural quanto urbana.</p> 2024-02-15T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Luan Oliveira dos Santos, José Newton Pires Reis, Ivan de Oliveira Holanda Filho , Marcos Paulo Mesquita da Cruz, Medna N’dami (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/11111 História da Obra Plataforma e do Grupo de Pesquisa de Recursos Didáticos e Produtos Educacionais 2023-07-27T16:12:08-03:00 Gabriela Pereira Souza profgaby@hotmail.com Lana Priscila Souza lanapriscilasouza@yahoo.com.br José Gleison Gomes Capistrano gleisoncapis@gmail.com Sandro César Silveira Jucá sandrojuca@ifce.edu.br Solonildo Almeida da Silva solonildo@ifce.edu.br <p>A divulgação científica consiste em um conjunto de atividades que tem por finalidade aproximar a população da produção científica e tornar o conhecimento acessível a todos. Os grupos de pesquisa organizam-se em torno de temáticas específicas e preocupam-se com o desenvolvimento e com a propagação dos avanços da Ciência. Neste contexto, o artigo teve por objetivo evidenciar a divulgação científica por meio da história do surgimento do e-book “Plataforma com acervo progressivo de produtos educacionais e tecnológicos” e do Grupo de Pesquisa em Inovação de Recursos Didáticos, Produtos Educacionais e Tecnológicos (GREPET). Por meio de pesquisa documental, o artigo discorre sobre a obra e sobre as iniciativas do grupo de pesquisa. Como resultado, é importante dar ênfase ao papel do grupo na democratização do conhecimento científico e tecnológico e na interação entre diferentes pesquisadores, professores e instituições, contribuindo para um desenvolvimento sustentável e para o combate às desigualdades.</p> 2024-02-22T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Gabriela Pereira Souza, Lana Priscila Souza, José Gleison Gomes Capistrano, Sandro César Silveira Jucá, Solonildo Almeida da Silva (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/10977 Os impactos psicológicos do bullying na rede escolar de ensino médio em alunos LGBT+ 2023-10-21T20:37:53-03:00 Wagner Grizorti wagnergrizorti@gmail.com Marcia da Luz Leal marcia_lleal@yahoo.com.br Thiago Benitez Melo thiago_benitez@hotmail.com <p>Este artigo é uma pesquisa bibliográfica baseada em quatro autores que abordam a importância da temática dos impactos psicológicos do <em>bullying</em> na rede escolar de ensino médio, com foco nos alunos LGBT+. O <em>bullying</em> pode desencadear uma série de efeitos psicológicos adversos, incluindo ansiedade, depressão, baixa autoestima, isolamento social, pensamentos suicidas e problemas de saúde mental. O ambiente hostil criado pela discriminação e assédio prejudica o bem-estar emocional dos alunos, comprometendo seu desempenho escolar. A educação sobre o impacto do <em>bullying</em> e a promoção da empatia são ferramentas essenciais. É fundamental criar um ambiente escolar inclusivo e respeitoso, em que os alunos LGBT+ sintam-se aceitos e valorizados, reduzindo os riscos de discriminação e assédio. Isso inclui a capacitação e formação de professores e funcionários, políticas de inclusão e envolvimento da comunidade escolar.</p> 2024-02-24T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Wagner Grizorti, Marcia da Luz Leal, Thiago Benitez Melo (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/10959 Educação Profissional Inclusiva: Proposta de Formação para Estudantes Bolsistas do Campus Apodi do IFRN 2023-12-11T12:06:24-03:00 Jordana Tavares de Lira jordana.lira@ifrn.edu.br José Araújo Amaral jose.amaral@ifrn.edu.br Fábio Alexandre Araújo dos Santos alexandre.araujo@ifrn.edu.br <p>Este estudo objetivou avaliar as contribuições pedagógicas de um curso de formação para estudantes bolsistas vinculados a programas institucionais do <em>Campus</em> Apodi do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), com vistas à melhoria do processo inclusivo de pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (NEE). O referido curso, descrito por Lira e Amaral (2023), enquadra-se na categoria de produto educacional. A abordagem metodológica configurou-se como qualitativa, de natureza aplicada, adotando a intervenção pedagógica como método, fundamentado em Damiani <em>et al</em> (2013). Verificamos que o curso contribuiu com a disseminação de conhecimentos atitudinais a partir do fortalecimento de valores que promoveram uma reflexão crítica acerca das normas que regem as relações sociais. Concluímos que a educação profissional, na sua concepção de formação integral, cumpre com duplo papel de preparar os indivíduos com e sem NEE para a inserção na vida produtiva e para construção de uma sociedade inclusiva.</p> 2024-02-22T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Jordana Tavares de Lira, José Araújo Amaral, Fábio Alexandre Araújo dos Santos (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/11482 Constituição histórica do Curso de Pedagogia da UFPI, em Teresina (1973-1984) 2023-11-20T11:08:35-03:00 Francisco Gomes Vilanova vilanova@ufpi.edu.br José Henrique Plácido dos Santos zehenriqueplacido@ufpi.edu.br <p>Este trabalho tem por objetivo analisar aspectos do processo de implantação e funcionamento do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Piauí entre 1973 e 1984. O problema da pesquisa traduz-se na seguinte interrogação: como ocorreu o processo de implantação e funcionamento do Curso de Pedagogia da UFPI no período em questão? A pesquisa vincula-se ao campo da história da educação, amparada em autores como Silva (2006), Cruz (2011), Bello (2021), Scheibe (2007), ‘ (2013), Brzezinski (1996), Martilli (2004), entre outros. Trata-se de uma pesquisa documental realizada nos acervos de setores administrativos da UFPI, a qual analisou atas, decretos, pareceres, matrizes curriculares etc. O estudo permitiu olhar a trajetória do Curso a partir do movimento em torno da criação da instituição, além de discutir aspectos de sua organização e funcionamento. Acredita-se que a pesquisa contribui para a história do Curso e ampliação das discussões do campo da história da educação.</p> 2023-02-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2023 Francisco Gomes Vilanova , José Henrique Plácido dos Santos (Autor) https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/11052 O contexto histórico-filosófico e o dualismo transcendental kantiano superado na razão ontológica hegeliana 2023-10-15T20:32:05-03:00 Sidney Soares Filho sid_filho@hotmail.com Luís Távora Furtado Ribeiro luistavora@uol.com.br Leszek Cichobłaziński leszek.cichoblazinski@pcz.pl <p>O presente artigo, através de uma metodologia descritiva e explicativa, com procedimento de pesquisa bibliográfica, aborda a contraposição da ontologia hegeliana à teoria transcendental de Kant e contextualiza as principais características histórico-filosóficas de ambos os Filósofos. O trabalho possui os seguintes objetivos: 1. Relacionar os períodos da história da Filosofia com o contexto histórico-filosófico em que viveram Kant e Hegel; 2. Explicar a epistemologia transcendental kantiana; 3. Elucidar a contraposição da razão ontológica hegeliana ao dualismo transcendental de Kant. Como resultados, tem-se que (1) houve a projeção superestimada do homem, típica do período Moderno, em que Kant viveu e a desconfiança à racionalidade humana, percebida no período Contemporâneo, contexto mais próximo da realidade de Hegel; (2) observou-se que Kant cria uma solução intermediária entre os empiristas e os racionalistas, propondo o juízo sintético <em>a priori; </em>(3) pode-se dizer que, para Hegel, o caminho da crítica à razão (juízo) se dá pela via ontológica, vez que a autoconsciência dos indivíduos não os permite os conceber como separados do mundo exterior.</p> 2024-01-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2024 Sidney Soares Filho, Luís Távora, Leszek Cichobłaziński (Autor)