Formação inicial de docentes de biologia

limites e possibilidades do Estágio Supervisionado no ensino médio

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47149/pemo.v2i2.3668

Palavras-chave:

Formação de Professores, Ciências Biológicas, UNILAB

Resumo

O Estágio Supervisionado em cursos de licenciatura é considerado elemento essencial na promoção ao estagiário de espaços-tempos de aproximação com a realidade da educação básica, bem como a compreensão do todo fazer pedagógico, por meio da inserção em escolas públicas e a vivência com professores da rede. Nesse âmbito, o presente estudo objetiva compreender os limites e as possibilidades do Estágio Curricular Supervisionado para a formação inicial de Professores de Biologia. A pesquisa possui abordagem qualitativa e utilizou a entrevista como estratégia de aproximação com a realidade. O conjunto de dados coletados demonstra a importância do Estágio Supervisionado na formação de licenciandos e as parcerias estabelecidas entre a Universidade e as escolas por meio do Estágio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luana Mateus de Sousa, Universidade Federal de Ceará

Doutoranda em Ecologia e Recursos Naturais (UFC); Mestra em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis (MASTS - UNILAB); Especialista em Gestão Escolar e em Gestão de Recursos Hídricos, Ambientais e Energéticos.

Sira Indjai, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira

Graduanda em Ciências Biológicas (UNILAB); Experiência na área de Zoologia, com ênfase em Comportamento Animal.

Elcimar Simão Martins, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira

Pós-Doutor em Educação (FEUSP); Doutor em Educação (UFC); Professor na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – Brasil; Vinculado aos Mestrados: Profissional em Ensino e Formação Docente; Acadêmico em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis.

Referências

ANADÓN, Marta. A pesquisa dita “qualitativa”: sua cultura e seus questionamentos. Senhor do Bonfim, BA: UNEB/UQAC, 2005.

DALLAZEM, Aline. Estágio curricular obrigatório: vivências musicais na educação de crianças. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, Fortaleza, v. 2, n. 1, p. 1-10, 2020. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/3501. Acesso em: 20 jul. 2020.

GHEDIN, Evandro; ALMEIDA, Maria Isabel; LEITE, Yoshie Ussami Ferreira. Formação de Professores: Caminhos e Descaminhos da Prática. Brasília: Líber Livro, 2008.

IMBERNÓN, Francisco. Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. São Paulo: Cortez, 2011.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de Metodologia Científica. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1991.

LIMA, Maria Socorro Lucena. Reflexões sobre o Estágio/Prática de Ensino na Formação de Professores. In: Rev. Diálogo Educ., Curitiba, v. 8, n. 23, p. 195-205, jan./abr. 2008.

MARTINS, Elcimar Simão. Educação das Relações Étnico-Raciais e Formação de Professores de Ciências da Natureza e Matemática: um Estudo em Escolas de Ensino Médio do Maciço de Baturité/CE. Relatório (Pós-Doutorado). São Paulo: USP, 2018.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência. 8. ed. São Paulo: Cortez, 2017.

POZO, Juan Ignacio; CRESPO, Miguel Ángel Gómez. A aprendizagem e o ensino de ciências: do conhecimento cotidiano ao conhecimento científico. Tradução Naila Freitas. 5ed. Porto Alegre: Artmed, 2009.

SOARES, Maria Perpétua do Socorro Beserra. Formação permanente de professores: um estudo inspirado em Paulo Freire com docentes dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Educação & Formação, Fortaleza, v.5, n.13, p. 151-171, 2020. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/redufor/article/view/1271. Acesso em: 20 jul. 2020.

UNILAB. Projeto Pedagógico do Curso de Ciências Biológicas – Licenciatura. Redenção/CE, 2016a. Disponível em: http://www.unilab.edu.br/ciencias-biologicas-licenciatura/. Acesso em 14 mai. 2018.

UNILAB. Resolução N° 15/2016/CONSUNI, de 22 de julho de 2016. Institui e regulamenta o Estágio Supervisionado, nos Cursos de Graduação da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – (UNILAB). 2016b. Disponível em: http://www.unilab.edu.br/consuni-resolucoes-2016/. Acesso em 14 mai. 2018.

Publicado

2020-08-15

Como Citar

SOUSA, L. M. de; INDJAI, S.; MARTINS, E. S. Formação inicial de docentes de biologia: limites e possibilidades do Estágio Supervisionado no ensino médio. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 1–12, 2020. DOI: 10.47149/pemo.v2i2.3668. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/3668. Acesso em: 16 jun. 2024.