Educação e ensino na província do Rio Grande do Sul no século XIX

Education and teaching in the province of Rio Grande do Sul in the XIX century

Palavras-chave: Educação, Ensino, Instrução, Moral, Criação

Resumo

O autor propõe investigar a ideia de educação e de ensino que legitimaram os conceitos liberais no século XIX, quando não havia no Rio Grande do Sul uma instituição que estabelecesse regras de ortografia ou que preparasse professores. A Câmara Municipal era encarregada de fiscalizar o ensino muitas vezes com vereador analfabeto. O texto é construído a partir de anúncios de jornais de Porto Alegre e de Rio Grande, os dois maiores centros urbanos da época. Os anúncios selecionados são transcritos com a ortografia e com erros de quem escreve conforme a pronúncia das palavras. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Moacyr Flores, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS

Pertence ao Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul - RS, à Academia Rio-grandense de Letras e ao Círculo de Pesquisas Literárias. Professor aposentado da Pontifícia Universidade Católica do RS e da Universidade Federal do RS. Publicou 25 livros de História do Brasil e do Rio Grande do Sul, incluindo dois dicionários. Coordenou a publicação de 52 livros da Série História da EDIPUCRS, de dissertações e teses defendida no Curso de Pós-Graduação.

Referências

ARQUIVO HISTÓRICO DO RIO GRANDE DO SUL. Índios d´Aldeia dos Anjos – Gravataí – Século XVIII. Porto Alegre: EST, 1990.

CHAVES, Antônio José Gonçalves. Memórias ecônomo-políticas. Porto Alegre: ERUS, 1978.

COELHO DE SOUZA, José Pereira. A Educação no Rio Grande do Sul. In: Rio Grande do Sul: Terra e Povo. Porto Alegre: Globo, 1964, p. 267-288.

FARIA, Eduardo de. Novo dicionário da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Eduardo e Henrique Laemmert, 1861.

FLORES, Moacyr. Apolinário Porto Alegre, o professor e o político. In FLORES, Hilda Hübner Flores. (Org.). Vidas e Costumes. Porto Alegre: Nova Dimensão, 1994, p. 133 a 142.

FLORES, Moacyr. Educação e ensino no período farroupilha. In: RS: Educação e sua história. Porto Alegre: EDIPLAT, 1998.

FLORES, Hilda Agnes Hübner. Mulheres na Guerra dos Farrapos. Porto Alegre: Martins Livreiro Editora, 2013.

ISABELLE, Arsène. Viagem ao Rio Grande do Sul. (trad. Dante de Laytano). Porto Alegre: Martins, 1983.

LANGER, Protásio Paulo. A Aldeia Nossa Senhora dos Anjos. Porto Alegre: EST, 1997.

MACEDO, Francisco R. de. O ensino de Primeiras Letras na República Rio-grandense. Porto Alegre: CODEC, 1988.

PRADO, Áurea. Formação do professor primário no Rio Grande do Sul. In: Rio Grande do Sul: Terra e Povo. Porto Alegre: Globo, 1964, p. 227-59.

ROCHE, Jean. L’Administration de la Province du Rio Grande do Sul de 1829 à 1847. Porto Alegre: Universidade do Rio Grande do Sul, 1961.

Jornais:

O Artilheiro, O Comércio, O Continentino, O Mensageiro, O Povo, Recopilador Liberal e O Vigilante encontram-se no Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa e no Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre.

Documentos:

A sigla AHRS-CV assinala os documentos da Coleção Varela do Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul.

Publicado
2020-10-08
Como Citar
FLORES, M. Educação e ensino na província do Rio Grande do Sul no século XIX. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, v. 3, n. 1, p. e313892, 8 out. 2020.