Práticas de acolhimento pedagógico e emocional desenvolvidas na Educação Infantil com crianças em processo de luto

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47149/pemo.v6.e10966

Palavras-chave:

Luto, Educação Infantil, Prática docente

Resumo

A experiência do luto faz parte da vida, no entanto, é pouco discutida nas práticas educacionais. O presente trabalho teve como objetivo compreender a vivência do luto na escola, em especial, em turmas de Educação Infantil. Do mesmo modo, discute-se sobre a elaboração de possíveis medidas para a implementação de ações pedagógicas de acolhimento emocional, a fim de encaminhar-se à qualidade do desenvolvimento integral da criança. Fundamentado a partir de documentos legais da área da Educação Infantil (Brasil, 1996; 2010) e autores como Fujisaka (2022) e Lustosa (2016) que pesquisam sobre o luto. Utilizou-se como metodologia uma revisão da literatura sobre o luto na educação infantil e um estudo de caso em uma instituição pública do Piauí. Conclui-se que o luto, no momento de pós-pandemia, ocasionou diversos problemas enfrentados pelas crianças e demais profissionais da Educação Infantil, de modo que muitas dessas complicações ainda não são possíveis de serem mensuradas com exatidão. A escola e seus profissionais devem articular ações a serem trabalhadas nesse contexto, considerando as possibilidades da instituição, com o intuito de cuidar das emoções das crianças nesse aspecto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Brenna Lígia da Rocha Moura, Universidade Federal do Piauí - UFPI

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal do Piauí - UFPI.

 

Jeriane da Silva Rabelo, Universidade Federal do Ceará- UFC

Doutora em Educação. Professora do curso de pedagogia da Universidade Estadual do Ceará - UECE.

Isis Malheiro, Universidade Federal do Piauí - UFPI

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal do Piauí - UFPI. Residente no Programa de Residência Pedagógica, pela CAPES.

Ada Raquel Teixeira Mourão, Universidade Federal do Piauí

Doutorado em Psicologia Ambiental pela Universidade de Barcelona. Mestrado em Psicologia pela Universidade Federal de Fortaleza e Graduação em Administração pela Universidade Federal do Ceará. Professora da Universidade Federal do Piauí - UFPI.

Referências

ARIÈS, Philippe. História Social da Criança e da Família. 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.

ARRUDA, Amorim de. O filme infantil e a cultura da infância: onde estão as vozes para o debate sobre o cinema na educação infantil? Educação como (re)existência: mudanças, conscientização e conhecimentos. Maceió-Al, 2020. Disponível em: TRABALHO_EV140_MD1_SA9_ID7087_16092020003522.pdf. Acesso em 17 jan 2023.

BARBOSA, Hamilton Elias. A construção histórica do sentimento da infância (Da idade média à moderna). (Graduação em História) – Universidade Salgada de Oliveira – UNIIVERSO, Goiânia, 2007;

BARBOSA, Maria Carmem Silveira; HORN, Maria da Graça Souza. Organização do Espaço e do Tempo na Escola Infantil. In: Educação Infantil: para que te quero? – Dados eletrônicos. Porto Alegre: Artmed, 2007.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, LDB. 9394/1996.

BRASIL. Lei nº 13.006, de 26 de junho de 2014. Acrescenta § 8o ao art. 26 da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para obrigar a exibição de filmes de produção nacional nas escolas de educação básica. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/2014/lei-13006-26-junho-2014-778954-publicacaooriginal-144445-pl.html. Acesso em 17 jan 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Brasília, 2018. 600 p. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/. Acesso em: 6 nov. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais Para a Educação Infantil (DCNEI). Brasília, 2010. 40 p. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/diretrizescurriculares_2012.pdf. Acesso em 22 jun, 2022.

BORTOLI, B., TERUYA, T. K. Neurociência e educação: os percalços e possibilidades de um caminho em construção. Imagens da Educação, v.7, n.1, p.70-77, 2017.

BRITO, A. P. G.; OLIVEIRA, G.S.; SILVA, B. A. A importância da pesquisa bibliográfica no desenvolvimento de pesquisas educativas na área da educação. Cadernos da Fucamp, v.20, n.44, p.1-15, 2021. Disponível em file:///C:/Users/brennal/Downloads/2354-Texto%20do%20Artigo-8496-1-10-20210407-1.pdf.

CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. 2020, Maceió. O filme infantil e a cultura da infância: onde estão as vozes para o debate sobre o cinema na educação infantil? Campina Grande, Realize Editora, 2021. ISSN 2358-8829 online.

CHAVES; Marcia Monteiro. NOGUEIRA; Rosemeire Messa de Souza. Concepção de currículo na Educação Infantil. [s.n], [s.l], s,d, p. 1-22. Disponível em: https://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/bitstream/prefix/1848/1/MarciaMonteiroChaves.pdf. Acesso em: 05 dez 2022.

Cosenza, R., Guerra, L. B. Neurociência e educação: como o cérebro aprende. Porto Alegre: Artmed, 2011.

CYRULNIK, Boris. Os patinhos feios. 1ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

Domingues, M. A. Desenvolvimento e aprendizagem: o que o cérebro tem a ver com isso? Canoas: Ulbra, 2007.

FONTES, Wendney Hudson de Alencar; ASSIS, Pamela Carla Pereira de; SANTOS, Emanuelle Pereira dos; MARANHÃO, Thércia Lucena Grangeiro; LIMA JÚNIOR, 74 Joel; GADELHA, Maria do Socorro Vieira. Perdas, Mortes e Luto Durante a Pandemia de Covid-19: Uma Revisão da Literatura. Id online Rev.Mult. Psic., Julho/2020, vol.14, n.51, p. 303-317. ISSN: 1981-1179.

FREUD, Sigmund. Luto e melancolia. Tradução de Marilene Carone. São Paulo: Cosac Naify, 2013.

FUJISAKA, Ana Paula. Vivência de luto em adultos que perderam a mãe na infância. 2009 (Mestrado em Psicologia) – Universidade de São Paulo – USP, São Paulo – SP, 2009. Disponível em: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-15122009-093804/pt-br.php. Acesso em 04 mar 2022.

MULLER; Fernanda. HASSEN; Maria de Nazareth Agra. A infância pesquisada. Psicologia USP. Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, v.20, n.3, p.465-480,2009.

HILLESHEIM; Betina, GUARESCHI; Neuza Maria de Fátima. De que infância nos fala a psicologia do desenvolvimento? Algumas reflexões. Psic. da Ed., São Paulo, 25, 2º sem. de 2007, pp. 75-92.

KALINOWSKI, Andressa Costa de Souza. Crianças, professores e filmes: Educação infantil e cinema. 2017. Tese (Monografia em Pedagogia) Centro Universitário Univates, Lajeado, p.30. 2016. Disponível em: 2016AndressaCostadeSouzaKalinowski CINEMA.pdf. Acesso em: 17 jan 2023.

KOHAN, Walter Omar. Infância. Entre educação e filosofia. Belo Horizonte: Autêntica, 2002.

KOHAN, Walter Omar. Devir-criança da Filosofia: infância da Educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

LUSTOSA, Ana Valéria Marques Fortes, et al. Psicologia da educação: teorias do desenvolvimento e da aprendizagem em discussão. 2° edição. Fortaleza: Editora Universidade Federal do Ceará, UFC, 2009. p.246.

MAEDA, Tatiane Sayuri. Cemitério é lugar de criança? A visita guiada ao Cemitério Consolação como recurso para abordar a educação sobre a morte nas escolas. 2017. Tese (Mestrado em Psicologia Clínica) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, p.139. 2017. Disponível em: https://tede2.pucsp.br/bitstream/handle/20674/2/Tatiane%20Sayuri%20Maeda.pdf. Acesso em 24 jun, 2022.

MARQUES, Marlene. Luto ou Depressão? Psicologia.pt o portal dos psicólogos, 2015. Disponível em:< https://www.psicologia.pt/artigos/ver_artigo.php?codigo=A0850>. Acesso em: 13 dez de 2021.

MICHEL, Caroline Luana, et al. Luto infantil no contexto de pandemia: uma Intervenção psicoeducativa para profissionais da educação. Boletim Entre SIS, Santa Cruz do Sul, v. 6, n. 2, p. 112-121, dez. 2021. Disponível em: https://online.unisc.br/acadnet/anais/index.php/boletimsis/article/view/21969. Acesso em 31 out 2022.

NOGUEIRA, Ione da Silva Cunha. Processo histórico e social do sentimento de infância e a realidade da criança brasileira. RIAEE – Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v.12, n.4, p. 2023-2043, out./dez. 2017.

OLIVEIRA, Suelen Dayanne Limberger de; RODRIGUES, Fábio da Silva. Luto infantil: como a escola lida com essa situação? [s.l], p. 1-22, s.d.

ORSOLINI, Alba Valéria Penteado; OLIVEIRA, Sheila Fernandes Pimenta. Estudo de caso como método de investigação qualitativa: uma abordagem bibliográfica. [s.l], p. 1-18, s.d. Disponível em: https://pos.unifacef.com.br/_livros/Cultura_Desenv/Artigos/Alba_Sheila.pdf. Acesso em 13 out 2022.

RAMOS, Vera Alexandra Barbosa. O processo de luto. Psicologia.pt o portal dos psicólogos, p. 1-16, 25 set. 2016. ISSN 1646-6977 online. Disponível em: https://www.psicologia.pt/artigos/textos/A1021.pdf Acesso em 15 out 2022.

SARTORI, Antônia Aparecida Kroll. Luto na escola: uma realidade a ser enfrentada. Tese (Mestrado em Psicologia da educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, p.93. 2018.

SENHORAS, Elói Martins. Impactos da pandemia da Covid-19 na educação. Educação como (re)existência: mudanças, conscientização e conhecimentos, Maceió-Al, outubro de 2020. Disponível em: https://editorarealize.com.br/editora/anais/conedu/2020/TRABALHO_EV140_MD1_S A21_ID2775_01102020143743.pdf. Acesso em 31 out 2022.

SILVA, Lucimar Victor da. A rotina na educação infantil: O cuidar e o educar. 2011. (Graduação em Pedagogia) – Universidade Estadual da Paraíba – UEPB, Guarabira – PB, 2011. Disponível em: https://dspace.bc.uepb.edu.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/1331/PDF%20-%20Lucimar%20Victor%20da%20Silva.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em 13 jan 2023.

SEQUEIRA, Vânia Conselheiro. Resiliência e abrigos. Bol. - Acad. Paul. Psicol., São Paulo , v. 29, n. 1, p. 65-80, jun. 2009. Disponível em <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415711X2009000100007&lng=pt&nrm=iso>. acessos em 01 nov. 2023.

VERAS, Francisca Samaritana Saudita De Oliveira et al.. A educação infantil e o desenvolvimento da criança: uma etapa necessária?. Anais V CONEDU... Campina Grande: Realize Editora, 2018. Disponível em: <https://editorarealize.com.br/artigo/visualizar/45706>. Acesso em: 15/11/2023 22:40

ZUCATO, Fernanda et al. A rotina em tempos de pandemia. Campinas, 2020. Disponível em: https://www.puc-campinas.edu.br/wpontent/uploads/2021/02/Cartilha_Educacao-Rotina.pdf. Acesso em 09 fev 2022.

Publicado

2024-02-24

Como Citar

MOURA, B. L. da R.; RABELO, J. da S.; MALHEIRO, I.; MOURÃO, A. R. T. Práticas de acolhimento pedagógico e emocional desenvolvidas na Educação Infantil com crianças em processo de luto. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, [S. l.], v. 6, p. e10966, 2024. DOI: 10.47149/pemo.v6.e10966. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/10966. Acesso em: 24 jul. 2024.