Programa Residência Pedagógica como experiência de estágio no curso de pedagogia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47149/pemo.v3i3.5581

Palavras-chave:

Residência Pedagógica, Formação Inicial, Estágio, Pedagogia

Resumo

O escopo central deste trabalho foi investigar o Programa Residência Pedagógica (PRP) como uma experiência de estágio supervisionado na formação inicial dos estudantes do curso de Pedagogia da FECLESC. Trata-se de um estudo de caso de cunho qualitativo, que teve amparo no levantamento bibliográfico, documental e nos questionários aplicados com uma amostra de 12 residentes, entre os meses de agosto e setembro de 2019. A pesquisa revelou aspectos positivos e negativos do Projeto, com destaque para a experiência em sala de aula, indicada como um elemento importante. Concluímos que este estudo indica a suma relevância de se observar o Programa como uma válida experiência de estágio supervisionado. Há, portanto, que se considerar os limites desta pesquisa, que se apresenta como um estudo inicial sobre a temática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jamilly Ellen Rodrigues Leite, Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central (FECLESC)

Graduada em Pedagogia pela Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central da Universidade Estadual do Ceará, FECLESC/UECE.

Danusa Mendes Almeida, Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central (FECLESC)

Professora Adjunta I da Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central da Universidade Estadual do Ceará, FECLESC/UECE. Mestre em Políticas Públicas e Sociedade pela UECE. Doutora em Educação pela Universidade Federal de São Carlos – UFSCAR.

Referências

BRASIL, Lei nº 11.502, de 11 de julho de 2007. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/lei/l11502.htm. Acesso em: 13 out. 2020.

BRASIL, Edital CAPES nº 06/2018. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/centrais-de-conteudo/03052018-edital-6-2018-alteracao-residencia-pdf/view. Acesso em: 13 out. 2020.

LEAL, Carolina de Castro Nadaf. Residência Pedagógica: Representações sociais de formação continuada. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá. 2016. 220f. Rio de Janeiro, 2016.

Publicado

2021-06-17

Como Citar

LEITE, J. E. R.; ALMEIDA, D. M. Programa Residência Pedagógica como experiência de estágio no curso de pedagogia. Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - Rev. Pemo, [S. l.], v. 3, n. 3, p. e335581, 2021. DOI: 10.47149/pemo.v3i3.5581. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revpemo/article/view/5581. Acesso em: 23 out. 2021.