Teorema da Alfândega: Por um olhar diferente

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30938/bocehm.v10i30.10295

Palavras-chave:

Situação-problema;, Espaços Métricos;, Teorema da Alfândega.

Resumo

Existem resultados no campo da Matemática que nem sempre são fáceis de serem contextualizados. A contextualização pode ser interpretada como uma ponte que conecta o conhecimento e à sua aplicação. É possível transcender aos aspectos da Matemática Pura através de situações-problemas contextuais e dinâmicas. Assim, este trabalho tem como objetivo mostrar através do viés das situações-problemas, o Teorema da Alfândega, que é um resultado conhecido nos estudos de Espaços Métricos, por meio de dois problemas. O uso de situações-problemas costuma gerar motivação no aluno, faz com que o mesmo busque mais informações sobre o conteúdo trabalhado, ao se sentir desafiado a apresentar uma solução para o determinado problema. Nesse estudo utilizamos a metodologia de pesquisa descritiva bibliográfica, com foco em dados qualitativos. Acredita-se que o uso de situações-problemas possa ser uma boa aliada no desenvolvimento do processo de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Antonia Charmilla Freire Batista, Universidade Federal de Paraíba (UFPB)

Possui graduação em Licenciatura em Matemática pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (2020) e mestrado em Matemática pelo Programa de Pós-Graduação em Matemática da Universidade Federal da Paraíba - PPGMAT/UFPB (2023). Atualmente é aluna de doutorado em matemática do PPGMAT/UFPB. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Teoria de Singularidades.

Edvalter da Silva Sena Filho, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA)

Possui Bacharelado em Matemática pela Universidade Federal do Piauí (2010), Mestrado em Matemática pela Universidade Federal do Piauí (2012), Doutorado em Matemática pela Universidade Federal do Ceará (2016), seguido de estágio de pós-doutorado em Matemática na Universidade Federal do Ceará (2017), todos na área de Singularidade. Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA.

Elaine Sampaio de Sousa Carlos, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA)

Possui graduação em Ciências - Hab. Matemática pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (2009) e mestrado em Matemática pela Universidade Federal do Ceará (2013). Já atuou como professora (tutora à distância) da Fundação Cearense de Pesquisa e Cultura (UFC virtual) de 2011 a 2013 e como professora substituta na Universidade Federal do Ceará de 2013 a 2015. Atualmente é professora efetiva do curso de Licenciatura em Matemática da Universidade Estadual Vale do Acaraú e doutoranda em matemática pela Universidade Federal de Alagoas.

Referências

ALLEVATO, N.S.G., ONUCHIC, L.R. Ensinando matemática na sala de aula através da resolução de problemas. Boletim GEPEM, Rio de Janeiro, n. 55, p. 1-19, 2009.

ARCOVERDE, L., AFFONSO, J., LEITE, I. Roubos a banco crescem 44% no estado de São Paulo em 2020, diz secretaria. G1. Disponível em: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2020/12/03/roubos-a-banco-crescem-44percent-no-estado-de-sao-paulo-em-2020-diz-secretaria.ghtml. Acesso em: 18 set. 2021.

BASSANEZI, R. C. Ensino-aprendizagem com modelagem matemática: uma nova estratégia. Editora Contexto, 2002.

BATISTA, A. C. F., O Teorema da Alfândega: Demonstração e Aplicações. Trabalho de Conclusão de Curso. Licenciatura em Matemática. Universidade Estadual Vale do Acaraú, 2019.

BATINGA, V. T. S.; TEIXEIRA, F. M. O que pensam os professores de química do Ensino Médio sobre o conceito de problema e exercício. In: VII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2009, Florianópolis, Anais. Belo Horizonte: ABRAPEC, 2009.

CAVALCANTI, M. Discursos 1999/2000. Senado Federal: Brasília-DF, 2000.

CEARÁ, Sindicato dos Bancários. Tabela dos Ataques a Bancos no Ceará. Disponível em: https://www.bancariosce.org.br/wp-content/uploads/2021/05/tabela-de_ASSALTOS-para-o-SITE-2021_set06.pdf. Acesso em: 18 set. 2021.

ENGELKING, R. General Topology. Sigma series in pure mathematics. Heldermann Verlag, Berlin, 1989.

FONSECA, N., MATRAVOLGYI, E., JUCÁ, J., Criminosos atacam agências bancárias em Araçatuba e fazem reféns. CCN Brasil. Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/criminosos-atacam-agencias-bancarias-em-aracatuba-e-fazem-refens. Acesso em: 18 set. 2021.

G1, Número de roubos a bancos voltou a crescer no Piauí em 2020, diz Polícia Civil. G1PI. Disponível em: https://g1.globo.com/pi/piaui/noticia/2021/01/12/numero-de-roubos-a-bancos-voltou-a-crescer-no-piaui-em-2020-diz-policia-civil.ghtml. Acesso em: 18 set. 2021.

JÚNIOR, M. S. L. P., NETO, J. E. S. Situações-problemas como Estratégia Didática para o Ensino dos Modelos Atômicos. Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Tecnologia. 2015.

LIMA, E. L. Espaços Métricos. Editora: IMPA, 6. ed., 2020.

LIMA, E. L. Curso de Análise. Vol. 2. Editora: IMPA, 1. ed., 2014.

LIMA, E. L. Elementos de topologia geral. Editora: SBM, 3. ed., 2014.

LIMA, M. V. S; SILVA, S. A. Situações-Problema: Uma estratégia didática para o ensino de ciências no nível fundamental. Revista Dynamis. FURB, Blumenau, v. 22, n. 1, p. 59-73, 2016.

MACEDO, L., Situação-problema: forma e recurso de avaliação, desenvolvimento de competências e aprendizagem escolar. In: PERRENOUD, P. et al. As competências para ensinar no século XXI: a formação dos professores e o desafio da avaliação. Porto Alegre: Artmed, 2002.

MANDL, Carolina. Explosão de caixas eletrônicos vira rotina no Brasil e desafia bancos. Folha de S. Paulo. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/04/explosao-de-caixas-eletronicos-vira-rotina-no-brasil-e-desafia-bancos.shtml. Acesso em: 26 jun. 2019.

MEIRIEU, P., Aprender... sim, mas como? 7. ed. Porto Alegre: Artmed, 1998.

RICHTER, M. G. Aspectos cognitivos da investigação-ação educacional. In. MION, R. A.; SAITO, C. H. Investigação – Ação: mudando o trabalho de formar professores. Ponta Grossa: Gráfica Planeta, p. 136-145, 2001.

SAINT-EXUPÉRY, Antoine de. O pequeno Príncipe. Editora Agir. 31.ed. Rio de Janeiro: 1987.98 p.

Downloads

Publicado

2023-10-28

Como Citar

BATISTA, A. C. F.; SENA FILHO, E. da S.; CARLOS, E. S. de S. Teorema da Alfândega: Por um olhar diferente. Boletim Cearense de Educação e História da Matemática, [S. l.], v. 10, n. 30, p. 01–12, 2023. DOI: 10.30938/bocehm.v10i30.10295. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/article/view/10295. Acesso em: 24 jun. 2024.