Desafios para o cuidado em saúde mental de cuidadores de crianças e adolescentes atendidos em um serviço psiquiátrico terciário no contexto da pandemia da COVID-19

Autores

  • Carla Barbosa Brandão Médica Psiquiatra. Especialista em Terapia Cognitivo Comportamental (UNICHRISTUS). Mestra em Saúde Coletiva (UECE) https://orcid.org/0000-0002-6608-488X
  • Maria Marleide de Oliveira Psicóloga do Hospital de Saúde Mental Prof. Frota Pinto. https://orcid.org/0000-0001-8887-5941
  • Lindinalva Silva Chaves de Amorim Psicóloga do Hospital de Saúde Mental Prof. Frota Pinto.
  • Júlia Sâmia Meneses do Carmo Chaves Assistente Social do Hospital de Saúde Mental Prof. Frota Pinto
  • Lívia Maria Eugenio Lopes Membro do Departamento de Psiquiatria Infantil da Sociedade Cearense de Psiquiatria https://orcid.org/0000-0001-8103-0161
  • Cidianna Emanuelly Melo do Nascimento Enfermeira. Mestra em Antropologia (UFPI). Doutoranda em Saúde Coletiva (UECE) https://orcid.org/0000-0001-5477-4413

DOI:

https://doi.org/10.59487/2965-1956-1-7334

Palavras-chave:

Saúde Mental, Saúde da criança e do adolescente, Covid-19

Resumo

O contexto da pandemia do novo coronavírus acentuou os impactos negativos sobre a demanda do cuidado em saúde mental de crianças e adolescentes, bem como a necessidade de um olhar atento para a família e cuidadores. O objetivo do artigo é apresentar a experiência da implantação de um ambulatório de família em um serviço terciário especializado em Psiquiatria da infância e adolescência, destacando as estratégias de enfrentamento para os desafios relacionados à manutenção do atendimento no contexto da pandemia da Covid-19. Realizou-se um relato de experiência de trabalhadoras de saúde – uma psiquiatra, duas psicólogas e uma assistente social – do Núcleo de Atenção à Infância e à Adolescência, durante o período de março a dezembro de 2020. Apresenta-se nos resultados e discussão: origem e organização do Núcleo de Atenção à Infância e à Adolescência; e, os desafios relacionados ao atendimento na pandemia da Covid-19 e estratégias de enfrentamento. Considera-se de suma importância a manutenção do funcionamento de serviços voltados para o cuidado com a saúde mental de cuidadores de crianças em acompanhamento psiquiátrico. Assim, a manutenção da abordagem multidisciplinar voltada para os cuidadores tem se mostrado valorosa para o seguimento e melhor compreensão dos problemas de saúde mental das crianças e adolescentes em acompanhamento, especialmente diante do desafiador contexto imposto pela Covid-19.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Huang, C.; Wang, Y.; Li, X.; Ren, L.; Zhao, J.; Hu, Y. et. al. Clinical features of patients infected with 2019 novel coronavirus in Wuhan, China. Lancet. 2020, 395(10223): 497-506.

Jesus J.G. Importation and early local transmission of Covid-19 in Brazil, 2020. RevInst Med Trop SP. 2020;62;e30.

Oliveira, G. F.; Alves, M. C.; Costa, C. R.; Silva, A. M. S.; Lofiego, M. C. B.; Oliveira, V. C.; Neves, E. C.; Pimentel, C. G.; Assis, L. M. D. J.; Borges, G. C. Acolhimento psicológico durante o COVID-19: relato de experiência. Braz. J. Hea. Rev., Curitiba, v. 3, n. 4, p. 10070-10079 jul./aug. 2020.

Sasangohar, F.; Jones, S. L.;Masud, F. N.;Vahidy, F. S.; Kash, B. A. Provider Burnout and Fatigue Duringthe COVID-19 Pandemic: Lessons Learned From a High-Volume Intensive Care Unit. Anesthesia& Analgesia, 2020, 131(1), 106–111. https://doi.org/10.1213/ANE.0000000000004866.

Goularte, J. F.; Serafim S.D.; Colombo R.; Hogg, B.; Caldieraro, M.A.; Rosa A.R. COVID-19 and mental health in Brazil: Psychiatricsymptoms in the general population. J Psychitrr Res. 2021; 132:32-37.

Carvalho A.; Melo, M.; de Sousa Soares, D. Impactof social distancingon mental healthduringthe COVID-19 pandemic: Anurgentdiscussion. InternationalJournalof Social Psychiatry, 2020, 66(6), 625–626. https://doi.org/10.1177/0020764020927047.

Organização Mundial de Saúde -OMS. COVID-19 interrompe serviços de saúde mental na maioria dos países, revela pesquisa da OMS -OPAS/OMS | Organização Pan-Americana da Saúde. 2020. Recuperado 14 de fevereiro de 2021, de https://www.paho.org/pt/noticias/5-10-2020-covid-19-interrompe-servicos-saude-mental-na-maioria-dos-paises-revela-pesquisa

Leicand, C. P.; Rothschild, D.; Lima, M. O. B. Abordagens familiares: terapia familiar e terapia vincular. O livro é: Psiquiatria da Infância e adolescência. Cuidado multidisciplinar. Editores: Boarati, M. A; Pantano, T. Scivoleto, S. Ed Manole, 2016.

Prevalence of mental illness among parentes of children receiving treatment with in child and adolescent mental healthservices (CAMHS): A scoping review. European Child & Adolescent Psychiatry. https://doi.org/10.1007/s00787-020-01502-x.

Moreno, J. C. (2020). Caregiver Burnout. Capstone Projects and Master's Theses. 765. https://digitalcommons.csumb.edu/caps_thes_all/765.

Dias B. C.; Marcon S. S.; Reis P.; Lino I. G. T.; Okido, A. C. C.; Ichisato, S. M. T.; Neves, E. T. Dinâmica familiar e rede social de famílias de crianças com necessidades especiais de cuidados complexos/contínuos. Rev Gaúcha Enferm, 2020, 41:e20190178.

Cuzzocrea, F.;Murdaca, A. M.; Costa, S.;Filippello, P.; Larcan, R. Parental stress, copingstrategiesand social support in familiesofchildrenwith a disability. ChildCare in Practice, 2016, 22(1), 3–19. https://doi.org/10.1080/13575279.2015.1064357.

Secretaria de Saúde do Estado do Ceará –SESA. (2009). Núcleo de Atenção à Infância e Adolescência -NAIA. ([s.d.]). Recuperado 14 de fevereiro de 2021, de http://www.hsmm.ce.gov.br/index.php/atencao-a-infancia-e-a-adolescencia.

Guinancio, J. C.; Sousa, J. G. M. de; Carvalho, B. L. de; Souza, A. B. T. de; Franco, A. de A.; Floriano, A. de A.; Ribeiro, W. A. COVID –19: Desafios do cotidiano e estratégias de enfrentamento frente ao isolamento social. Research, Society and Development, [S. l.], v. 9, n. 8, p. e259985474, 2020. DOI: 10.33448/rsd-v9i8.5474. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/5474. Acesso em: 12 ago.

Downloads

Publicado

2022-03-14

Como Citar

1.
Brandão CB, Oliveira MM de, Amorim LSC de, Chaves JSM do C, Lopes LME, Nascimento CEM do. Desafios para o cuidado em saúde mental de cuidadores de crianças e adolescentes atendidos em um serviço psiquiátrico terciário no contexto da pandemia da COVID-19. Dialog Interdis Psiq S Ment [Internet]. 14º de março de 2022 [citado 24º de junho de 2024];1(1):78-81. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/dipsm/article/view/7334