O ESPAÇO DO SENSO COMUM NAS ZDPs EMERGENTES EM AULAS DE MATEMÁTICA

UMA REFLEXÃO SOBRE O SENTIDO DE NÚMERO

  • Alberto Santos Arruda UFPB
Palavras-chave: Escola; Aprendizagem; Matemática; Sociogênese, Sentido Numérico.

Resumo

As dificuldades dos estudantes que apresentam problemas referentes à matemática podem representar um desafio sujeito à investigação tanto da psicologia quanto da educação. O ensino formal de matemática em sala de aula é um processo que leva o estudante a evidenciar as regras e peculiaridades do próprio conhecimento matemático, construído em aulas notadamente orientadas pela concepção acadêmica de matemática. Por outro lado, o uso de matemática como uma ferramenta cultural pode ser observado em várias situações cotidianas que incluem as habilidades de contar, quantificar e fazer estimativas, denominadas de “sentido de número”. Enfocando o papel da escola na constituição de sujeitos capazes de construir significados complexos, este trabalho objetivou analisar a relação entre sentido de número e educação matemática em sala de aula a partir da perspectiva teórica de Vigotski, segundo a qual a aprendizagem da matemática é analisada em termos de como os signos matemáticos são postos em uso por professores e alunos em circunstâncias práticas. A sociogênese vigotskiana é bastante enfatizada em estudos sobre o desenvolvimento de operações cognitivas ou sobre os cenários da educação circunscritos à aprendizagem escolar e torna-se especialmente oportuna diante das dimensões culturais e educativas dos contextos de emergência da Zona de Desenvolvimento Proximal – ZDP. Este ensaio teórico, apoiado em descrições e explanações sensíveis a aspectos fenomenológicos, como história e subjetividade, configurou-se como uma pesquisa qualitativa bibliográfica: qualitativa porque se debruçou sobre tema complexo, que ultrapassa as relações funcionais entre causa e efeito mensuradas matematicamente e ressalta a natureza simbólica da realidade (SEVERINO, 2007); e bibliográfica porque essencialmente corresponde a um levantamento de informações e contribuições já existentes, disponibilizadas por diversos autores em variadas publicações (GIL, 2009).

Publicado
2019-04-30