Sequência Didática do gênero anúncio publicitário

Uma abordagem enunciativo-discursiva

Palavras-chave: Sequências didáticas, Ensino, Anúncio publicitário

Resumo

Este artigo é fruto de experiência em uma escola privada, no município de Parnaíba-PI, em turmas de alunos de 8º ano do Ensino Fundamental. Temos como objetivo relatar uma experiência com sequência didática no ensino de Língua Portuguesa, a partir do gênero discursivo anúncio publicitário. Analisamos uma sequência didática que teve como fio norteador das atividades um texto retirado de livro didático e quatro textos produzidos pelos alunos. O relato das atividades está ancorado tanto na teoria dialógica quanto em modelos de sequências didáticas voltadas para o ensino de gêneros discursivos. Utilizamos como principais autores: Bakhtin (2003[1979]), (2015[1934-1936]), Schneuwly, Dolz (2004), Lopes-Rossi (2015), Rojo (2013). Dentre outros resultados, destacamos o fato de o trabalho com a sequência didática permitir ao aluno conhecer a função social do gênero textual e seus aspectos composicionais, temáticos e estilísticos, e ainda, destacamos o envolvimento dos alunos nas atividades, por serem sequenciadas, planejadas, colaborativas e conectadas com práticas de leitura e de escrita de textos reais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANTUNES, I. Aula de Português: encontro e interação. São Paulo: Parábola, 2003.

BAKHTIN, M. M. Os gêneros do discurso. Trad.: Paulo Bezerra. São Paulo: editora 34, 2003 [1979].

______. Teoria do Romance I: a estilística. Trad.: Paulo Bezerra. São Paulo: Editora 34, 2015 [1934-1936].

BAKHTIN, M. M. (VOLOCHÌNOV, V.N.). Marxismo e filosofia da linguagem. Trad. Michel Lahud &Yara Frateschi Vieira. São Paulo: Hucitec, 2010 [1929-1930].

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2018. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNC C_20dez_site.pdf. Acesso em: 22 de dezembro de 2019.

CEREJA, W. R.; MAGALHÃES, T. C. Texto e interação: uma proposta de produção textual a partir de gêneros e projetos. São Paulo: Atual, 2013.

KOCHE, V. S.; MARINELLO, A. F. Gêneros textuais: práticas de leitura escrita e análise linguística. Rio de Janeiro: vozes, 2015.

LOPES-ROSSI, M. A. G. Gêneros discursivos no ensino de leitura e produção de textos. In: Gêneros textuais: reflexão e ensino. Editora Cabral e Livraria Universitária, 2002

KARWOSKI, A. M.; LOPES-ROSSI, M. A. G. Aspectos teóricos e sequências didáticas para a produção escrita de gêneros discursivos. Letras & letras. v. 31, n. 3, p. 132-157, dez.2015.

MAGALHÃES, I. Análise do discurso publicitário. Revista da Abralin. vol. 4, nº 1 e 2, p. 231-260, 2005.

ROJO, R. Gêneros discursivos do círculo de Bakhtin. In: Escol@ conectada: os multiletramentos e as TICs. São Paulo: Parábola Editorial, 2013.

SANTOS, E. P. Gêneros discursivos: uma abordagem dialógica da linguagem. Revista FSA. Teresina - n° 9, p. 243-259, 2012.

____ Estilo e marcas linguísticas: duas faces de um mesmo enunciado. Matraga. Rio de Janeiro, v.26, n.47, p.360-376, mai./ag. 2019

SANTOS, E.P; ALVES FILHO, F. Relações dialógicas e a construção do sentido no gênero comentário online. Revista FSA. Teresina, v. 9, n. 2, art. 10, pp. 144-160, 2012

SCHNEUWLY, B.; DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. São Paulo; Mercado de Letras, 2004.

VOLOCHINOV, V.N. Discurso na vida e discurso na arte. In: A construção da enunciação e outros ensaios. Trad.: João Wanderley Geraldi. São Paulo: Pedro & João editores, 2013 [1926].

Publicado
2020-09-21
Como Citar
SANTOS, E.; COSTA, M. Z. Sequência Didática do gênero anúncio publicitário. Revista Linguagem em Foco, v. 12, n. 2, p. 314-332, 21 set. 2020.