INTEGRAÇÃO CONCEPTUAL E MULTIMODALIDADE: ANÁLISE DE UMA CAPA DE REVISTA

  • Maíra Avelar UESB
  • Francisco de Assis Brito Benevides UESB
Palavras-chave: Capa, Revista, Multimodalidade, Integração Conceptual, Metáfora

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar a Integração Conceptual Multimodal, a partir da consideração de recursos verbo-visuais presentes numa capa da revista brasileira "Superinteressante", revista mensal do domínio discursivo jornalístico. Baseamo-nos teoricamente na teoria dos Modelos Cognitivos Idealizados metafóricos, bem como na Teoria da Integração Conceptual, inicialmente proposta por Fauconnier e Turner (2002) e posteriormente desenvolvida por Dancynger e Sweetser (2014). Analisamos, então, o processo de Integração Conceptual resultante do mapeamento metafórico na capa da revista “Superinteressante”, a partir dos espaços de entrada pictórico e verbal. Conforme demonstrado em nossas análises, a integração desses espaços resulta num espaço emergente, em que a interpretação da manchete, aliada às imagens, apresenta-se metaforicamente relacionada a esquemas básicos advindos da experiência corpórea, a partir das metáforas a mente é um corpo e a mente é um contêiner.

Publicado
2019-02-24