Fios que entrelaçam trajetórias de vidas:

narrativas de docentes da EJA do Ceará

Autores

  • Antonio Jorge Ferreira Severino Universidade Federal do Rio Grande https://orcid.org/0000-0003-4517-1789
  • Vânia Alves Martins Chaigar Universidade Federal do Rio Grande

DOI:

https://doi.org/10.33241/cadernosdogposshe.v7i2.11782

Palavras-chave:

Trajetória docente; EJA; Narrativas.

Resumo

Este artigo é um recorte da dissertação de Mestrado em Educação realizado na Universidade Federal do Rio Grande – FURG e tem como objetivo compreender as trajetórias de vida de educadoras/es que atuam nos Centros de Educação de Jovens e Adultos – CEJAs do Ceará, as razões para o ingresso na docência e os fatores que contribuíram para a construção do sujeito educador. O estudo procurou dar visibilidade às narrativas de trajetórias docentes, fazendo o uso de entrevistas narrativas. Como fundamento teórico temos os estudos Nóvoa (1992), Huberman (2000) e Tardif e Raymond (2000) ao afirmar que diversas fases da vida da "pessoa professor" exercem uma forte ação influenciadora na prática docente. Como resultados, identificamos narrativas que carregam histórias únicas, mas que, simultaneamente, são permeadas como fios entrelaçados de um novelo, por uma variedade de contextos, memórias e identidades. Essas narrativas, quando emaranhadas, resultaram em composições que expressam representações, significados e conhecimentos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Antonio Jorge Ferreira Severino , Universidade Federal do Rio Grande

Mestre em Educação na Universidade Federal do Rio Grande - FURG; Professor da Rede Estadual de Educação do Ceará.

Vânia Alves Martins Chaigar , Universidade Federal do Rio Grande

Professora associada da Universidade Federal do Rio Grande - FURG. Doutora em Educação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Referências

ARROYO, Miguel. Currículo, território em disputa. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2011.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Editora Porto, 1994.

FREIRE, Paulo. A Educação na Cidade. São Paulo: Cortez, 1991.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Indignação. São Paulo: Editora Unesp, 2000.

FREIRE, Paulo. Política e Educação. 5. ed. Rio de Janeiro; São Paulo: Paz e Terra,

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Editora Atlas SA, 2008.

HUBERMAN, Michael. O ciclo de vida profissional dos professores. In: NÓVOA, António. Vidas de professores. Porto: Porto Editora, 1992. p.31-62.

MORESI, Eduardo et al. Metodologia da pesquisa. Brasília: Universidade Católica de Brasília, v. 108, n. 24, p. 5, 2003.

NÓVOA, António. Currículo e docência: a pessoa, a partilha, a prudência. 2004. Disponível em https://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/4816/1/8575161121_1_11.pdf Acesso em 23 de julho de 2023.

NÓVOA, António. Os professores e as histórias de vida. In: NÓVOA, António. (Org.). Vidas de professores. Porto, Portugal: Porto Editora, 1992. p. 11-30.

TARDIF, Maurice; RAYMOND, Danielle. Saberes, tempo e aprendizagem do trabalho no magistério. Educação & sociedade, v. 21, p. 209-244, 2000.

Downloads

Publicado

2023-11-17

Como Citar

FERREIRA SEVERINO , A. J.; ALVES MARTINS CHAIGAR , V. Fios que entrelaçam trajetórias de vidas: : narrativas de docentes da EJA do Ceará. Cadernos do GPOSSHE On-line, [S. l.], v. 7, n. 2, 2023. DOI: 10.33241/cadernosdogposshe.v7i2.11782. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/CadernosdoGPOSSHE/article/view/11782. Acesso em: 21 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos