Reflexões sobre a história nacional

o caso da Europa no século XIX

Autores

  • Miroslav Hroch

DOI:

https://doi.org/10.33956/tensoesmundiais.v4i6%20jan/jun.707

Palavras-chave:

Reflexões, Nacional, Europa

Resumo

No século XIX, escrever a história nacional tornou-se imprescindível à formação nacional européia. Ter sua
“própria” história era condição básica para uma nação ser aceita, não apenas no âmbito internacional, mas, sobretudo, internamente. Como elemento de mobilização nacional, buscava reforçar a identificação com a nação, legitimava a existência nacional, assegurava a seus membros uma espécie de imortalidade, ajudava a criar ou fortalecer valores nacionais. A história nacional não poderia proceder de um mesmo modelo para todas as nações da Europa; foi construída de acordo com diferentes situações que correspondiam às possibilidades de “nacionalizar” o passado.

Downloads

Publicado

2018-11-27

Como Citar

HROCH, M. Reflexões sobre a história nacional: o caso da Europa no século XIX. Tensões Mundiais, [S. l.], v. 4, n. 6, p. 14–29, 2018. DOI: 10.33956/tensoesmundiais.v4i6 jan/jun.707. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/tensoesmundiais/article/view/707. Acesso em: 18 jun. 2021.