Análise do pensamento conservador culturalista do Exército no Brasil

Autores

Palavras-chave:

Exército, Nação, Democracia, Pensamento Político, Conservadorismo Culturalista

Resumo

O artigo analisa o pensamento político de militares do Exército Brasileiro, identificando, contextualizando e problematizando a presença de um ideário culturalista conservador na análise da sociedade brasileira. Retoma-se discussões sobre o imaginário, as tradições e a participação dos militares na história política nacional, demonstrando a existência de uma mentalidade que interpreta o passado brasileiro e orienta determinadas condutas políticas contemporâneas.

Biografia do Autor

Wallace da Silva Mello, UENF

Licenciado em História (UNIFSJ-2009), Especialista em Política Brasileira (UNIFSJ-2010), Mestre em Sociologia Política (UENF-2019), Doutorando em Sociologia Política (UENF-em andamento). Professor de História da Secretaria Estadual de Educação do Rio de Janeiro em Bom Jesus do Itabapoana e Cambuci, no Noroeste Fluminense.

Na graduação teve contato com o tema das Forças Armadas e política no Brasil, mas realizou monografia sobre o pensamento político de Oliveira Vianna. No curso de especialização, realizou estudo sobre as Forças Armadas Brasileiras na Nova República. Agora no doutorado, desenvolve pesquisa sobre democracia e política no pensamento político dos oficiais do Exército Brasileiro.

Downloads

Publicado

24-08-2022

Como Citar

DA SILVA MELLO, W. Análise do pensamento conservador culturalista do Exército no Brasil. Tensões Mundiais, [S. l.], v. 18, n. 37, p. 187–236, 2022. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/tensoesmundiais/article/view/8025. Acesso em: 16 jul. 2024.