Marxismo y crisis ecosocial, una propuesta vigente

Autores

  • Taeli Gómez Francisco

DOI:

https://doi.org/10.33956/tensoesmundiais.v8i15%20jul/dez.547

Palavras-chave:

Meio Ambiente, Marxismo, Materialismo Histórico, Trabalho, Consciência Social

Resumo

Este artigo valoriza a contribuição do marxismo para a compreensão, de maneira abrangente, da crise ecossocial. Primeiramente, submete à avaliação crítica
as posições marxistas reducionistas que lhe desacreditam como filosofia da prática, para, então, aludir à crise ecossocial, como uma relação social imanente
ao capitalismo, dando importância aos modos de produção material.

Publicado

2018-10-22

Como Citar

FRANCISCO, T. G. Marxismo y crisis ecosocial, una propuesta vigente. Tensões Mundiais, [S. l.], v. 8, n. 15, p. 69–91, 2018. DOI: 10.33956/tensoesmundiais.v8i15 jul/dez.547. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/tensoesmundiais/article/view/547. Acesso em: 18 jan. 2022.