Povos, Estados e insurgência islâmica na África

  • Herbert Ekwe-Ekwe
Palavras-chave: Estado de Berlim, África, Movimentos de Independência, Insurgência Islâmica

Resumo

O autor reflete sobre a incapacidade do Estado na África em prover segurança e fornecer serviços sociais básicos à maioria da população. Argumenta que o “Estado de Berlim” pós-conquista europeia está sob crescente pressão de povos ou nações que desejam se tornar independentes. O mundo terá que lidar com um mapa da África em constante mutação, baseado nos movimentos de independência, que não são em essência islâmicos.

Publicado
2018-10-04