Parasitismo social

chave analítica para a obra de Manoel Bomfim

  • Gislania de Freitas Silva
  • Larissy Leal Mathias
Palavras-chave: Manoel Bomfim, América Latina, Colonialismo

Resumo

Este artigo visa apresentar a obra de Manoel Bomfim, partindo do conceito de parasitismo social com que o autor trabalha ao analisar o processo histórico formador das nações latino-americanas e seus desdobramentos políticos, econômicos e sociais. Presente desde o seu surgimento, o parasitismo social persiste como elemento constitutivo dessas sociedades.

Publicado
2018-09-26
Como Citar
Silva, G., & Mathias, L. (2018). Parasitismo social. Tensões Mundiais, 12(23), 101-120. https://doi.org/10.33956/tensoesmundiais.v12i23.370