A educação integral no ensino médio brasileiro

proteção integral ou formação humana?

  • Katharine Ninive Pinto Silva Universidade Federal de Pernambuco

Resumo

O artigo traz resultados de pesquisas realizadas pelo Grupo GESTOR – Pesquisa em Gestão da Educação e Políticas do Tempo Livre em torno da temática da Educação Integral no Ensino Médio Brasileiro. O objetivo geral do artigo foi debater o contexto atual em torno da Educação Integral no Ensino Médio. Através de uma pesquisa com palavras-chave (integral, integrada, ensino médio) foi feita uma seleção de documentos e posterior análise através da categorização por temas, conforme a concepção dialógica de Bakhtin (1997). Os resultados da pesquisa indicam que a Educação Integral, no contexto do Ensino Médio, vem sendo utilizada para a disputa pela captura da subjetividade dos jovens, pelo Capital, bem como para compensar a ausência de políticas públicas em torno da projeção integral, diante do avanço do ideário neoliberal, na perspectiva de guarda e controle dos jovens.

Biografia do Autor

Katharine Ninive Pinto Silva, Universidade Federal de Pernambuco

Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Referências

BAKHTIN, Mikhail (Volochinov). Marxismo e Filosofia da Linguagem – Problemas fundamentais do Método Sociólogo na Ciência da Linguagem. 8´ ed. São Paulo: Hucitec, 1997.
BLASIS, Eloísa de. Avaliações em larga escala: contribuições para a melhoria da qualidade na educação. In: Cadernos Cenpec, 2013.
BONAFINA, Anderson; BONAFINA, Lílian e WERMELINGER, Mônica. A educação profissional técnica de nível médio em saúde na Rede Federal de Educação. In: Revista Trabalho, Educação e Saúde. Rio de Janeiro, v. 15, n. 1, p. 73-93, jan/abr, 2017.
BRASIL. Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990 - Estatuto da Criança e do Adolescente. Brasília: Presidência da República, 1990. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8069.htm, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Decreto nº 6.302, de 12 de dezembro de 2007 – Institui o Programa Brasil Profissionalizado. Brasília: Presidência da República, 2007. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/decreto/d6302.htm, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Portaria nº 971, de 9 de outubro de 2009 – Programa Ensino Médio Inovador. Brasília: MEC, 2009a. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/ensino_medioinovador.pdf, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Programa Ensino Médio Inovador. Brasília: MEC/ SEB, abril de 2009b.
BRASIL. Lei nº 12.513, de 26 de outubro de 2011 - Pronatec. Brasília: Presidência da República, 2011. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12513.htm, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Resolução nº2, de 30 de janeiro de 2012 – Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília: MEC/CNE/CEB, 2012a.
BRASIL. Resolução nº 6, de 20 de setembro de 2012 – Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Brasília: MEC/CNE/CEB, 2012b.
BRASIL. Lei nº 12.852, de 5 de agosto de 2013 – Estatuto da Juventude. Brasília: Presidência da República, 2013a. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2013/lei/l12852.htm, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013b.
BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014 – Plano Nacional de Educação. Brasília: Presidência da República, 2014. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13005.htm, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Portaria nº 817, de 13 de agosto de 2015 – Bolsa-Formação. Brasília: MEC, 2015. Disponível em: http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=8&data=13/02/2017, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Medida Provisória nº 746, de 22 de setembro de 2016 – Reforma do Ensino Médio, convertida na Lei nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Brasília: Presidência da República, 2016a. Disponível em: https://www.congressonacional.leg.br/materias/medidas-provisorias/-/mpv/126992, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Resolução nº 4, de 25 de outubro de 2016. Brasília: FNDE, 2016b. Disponível em: http://www.bsgestaopublica.com.br/index.php/resolucaofnde, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Lei nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017 – Reforma do Ensino Médio, conversão da Medida Provisória nº 746, de 22 de setembro de 2016. Brasília: Presidência da República, 2017. Disponível em: http://legis.senado.leg.br/legislacao/ListaTextoSigen.action?norma=602639&id=14374947&idBinario=15657824&mime=application/rtf, acesso em 25 de julho de 2018.
BRASIL. Base Nacional Comum Curricular – Educação é a Base – Ensino Médio. Brasília: MEC, 2018.
CUNHA, Luiz Antônio. Ensino Médio: atalho para o passado. In: Educ. Soc., Campinas, v. 38, n. 139, p. 373-384, abr-jun, 2017.
HARVEY, David. 17 contradições e o fim do capitalismo. 1ª ed. São Paulo: Boitempo, 2016.
LEHER, Roberto; BITTORIA, Paolo e MOTTA, Vânia. Educação e mercantilização em meio à tormenta político-econômica do Brasil. In: Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 9, n. 1, p. 14-24, abr, 2017.
LINHART, Danièle. A desmedida do capital. São Paulo: Boitempo, 2007.
NOSELLA, Paolo. Ensino Médio – uniforme ou multiforme? In: Revista Brasileira de Educação, v. 20, n. 60, jan-mar, 2015.
POCHMANN, Marcio. Estado e capitalismo no Brasil: a inflexão atual no padrão das políticas públicas do ciclo político da Nova República. In: Educ. Soc., Campinas, v. 38, n. 139, p. 309-330, abr-jun, 2017.
ROSA, Alessandra Vitor do Nascimento; MARCONDES, Maria Inês e COELHO, Ligia Martha C. C. Educação Integral e(em) Tempo Integral: analisando as Organizações Curriculares apresentadas nas pesquisas publicadas entre os anos 2000 e 2012. In: Revista Cocar, Belém, v. 10, n. 20, p. 27 a 51, ago/dez 2016.
SILVA, Katharine Ninive Pinto. Trabalho Docente e Educação Integral no Ensino Médio. Relatório Técnico da Pesquisa APQ-0475-7.08/12 - FACEPE. Caruaru: UFPE, 2015.
SILVA, Jamerson Antonio de Almeida da. Jovens e Educação Integral do Ensino Médio – analisando Programas em Implementação no Estado de Pernambuco, a partir do novo ordenamento legal do Estado Brasileiro. Relatório Técnico da Pesquisa Processo nº 40482/2012-0 – Chamada MCTI/CNPq/MEC/CAPES nº 18/2012 – Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. Caruaru: UFPE, 2014.
WACQUANT, Loic. Punir os pobres: a nova gestão da miséria nos Estados Unidos. Rio de Janeiro: F. Bastos, 2001, Revan, 2003.
YOUNG, Michael F. D. O future da educação em uma sociedade do conhecimento: o argumento radical em defesa de um currículo centrado em disciplinas. In: Revista Brasileira de Educação, v. 16, n. 48, set/dez, 2011.
Publicado
2018-10-11
Seção
Demanda Contínua