Derechos humanos y estrategias de la oposicion bajo la dictadura militar argentina

  • Débora Carina D'Antonio

Resumo

A curta presença da Comissão Interamericana de Direitos Humanos  da Organização dos Estados Americanos foi fundamental para o enfraquecimento da ditadura militar na Argentina. Antes de sua atuação, os movimentos populares eram controlados por meio de atos violentos e terroristas. O CIDH atuou como uma caixa de ressonância da resistência argentina.

Publicado
2018-11-20