"Conservadores" vs. "Progressistas"?

religião, política e direitos humanos na Costa Rica

Autores

  • sergio villena Universidad de Costa Rica

Palavras-chave:

Costa Rica, Conflitos Culturais, Eleições presidenciais, Modernidade

Resumo

O Estado costarriquenho manteve seu caráter denominacional católico por 200 anos. Com a pluralização do campo religioso e o avanço da secularização, surgiram tensões religiosas e culturais na sociedade. Analiso a dramática eclosão dessas tensões no campo político durante o processo eleitoral de 2018, bem como sua evolução nos três primeiros anos do governo Carlos Alvarado Quesada.

Publicado

28-01-2022

Como Citar

VILLENA, sergio. "Conservadores" vs. "Progressistas"? : religião, política e direitos humanos na Costa Rica. Tensões Mundiais, [S. l.], v. 17, n. 35, p. 121–146, 2022. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/tensoesmundiais/article/view/5521. Acesso em: 24 jul. 2024.