DO PATHOS TRÁGICO A POSSIBLIDADE DE AKRASIA EM PLATÃO

Autores

  • Glaucer Ferreira Silva

Palavras-chave:

Platão, Akrasia, Pathos, Trágico, Tragédia

Resumo

O presente estudo tem por objetivo analisar as disparidades existentes entre dois momentos fundamentais quanto à constituição da polis grega, a saber, o trágico e o ligado ao logos e à racionalidade, denominado período socrático/platônico. Primeiramente, lançaremos nosso olhar sobre o chamado período trágico da cultura helênica, buscando contemplar o homem enredado pelo pathos trágico e sua consequente idiossincrasia. Ainda no século V a.C. contemplaremos este que representa um dos principais pilares de sustentação da filosofia do período antropológico do pensamento grego: Platão. Contudo nos deteremos a alguns aspectos do socratismo tendo como ideia disparadora a possibilidade da akrasia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

FEITOSA, Zoraida Maria Lopes. A Questão da Acrasia na Filosofia de Platão. Revista Prometeus Filosofia. Alagoas, ano 10, nº 23 – maio/agosto de 2017. FEITOSA, Zoraida Maria Lopes. A questão da unidade e do ensino das virtudes em Platão. São Paulo, 2006. LORAUX, N. (1992). A tragédia grega e o humano. In A. Novaes (Org.). Ética. São Paulo: Companhia das Letras.

MOSSÉ, Claude. Atenas, a história de uma democracia. Brasília: UNB, 1997.

NIETZSCHE, Friedrich. Crepúsculo dos ídolos ou Como se filosofa com o martelo. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

PLATÃO. Diálogos. Volumes I e II. Tradução: Carlos Alberto Nunes. Belém, UFPA, 1980.

PLATÃO. Diálogos. Volumes III e IV. Tradução: Carlos Alberto Nunes. Belém, UFPA, 1980.

ROMILLY, Jacqueline. A Tragédia Grega. Brasília-Editora Universidade de Brasília, 1998.

RUSSELL, Bertrand. História do pensamento universal: a aventura dos pré-socráticos a Wittgenstein. – [Ed. Especial] – Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

SILVA, FRANCISCO DA CUNHA. O Trágico como Condição do Humano: Ressignificação da tragédia na história da civilização ocidental. Tese (Doutorado em Ciências Humanas), Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2009.

VERNANT, Jean Pierre. Mito e Tragédia na Grécia Antiga/Jean-Pierre Vernant e Jean-Pierre Vidal-Naquet – São Paulo: Perspectiva, 2005. ZINGANO, Marco. Estudos de Ética Antiga. São Paulo: Discurso Editorial, 2009.

Downloads

Publicado

2021-07-26

Como Citar

FERREIRA SILVA, G. . DO PATHOS TRÁGICO A POSSIBLIDADE DE AKRASIA EM PLATÃO. Polymatheia - Revista de Filosofia, [S. l.], v. 14, n. 24, 2021. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revistapolymatheia/article/view/6571. Acesso em: 20 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos