FISICALISMO NÃO-REDUTIVO E HOLISMO EM RICHARD RORTY

Autores

  • Roger Klinsman Aguiar de Souza

Palavras-chave:

Fisicalismo, Linguagem, Representação, Mente, Redescrição

Resumo

A linguagem e a mente suscitam na contemporaneidade uma série de embates e posições filosóficas diversas. O trabalho em questão visa determinar como o pragmatismo de Richard Rorty pensa tais questões e contribui de forma satisfatória ao lançar mão de um tipo especial de fisicalismo: o não-redutivo. Esperamos com isso mostrar como o fisicalismo de Rorty permite uma noção desinflacionada do eu com base não em uma visão própria do que seria a mente como um tipo de teatro cartesiano (Dennett), mas como uma rede de crenças e desejos em constante redescrição com o mundo; e a linguagem entendida não como meio de representação de uma realidade intrínseca, e sim como uma ferramenta de descrições capaz de lidar com o mundo segundo propósitos específicos e contingenciais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

DAVIDSON, D. Actions, Reasons and Causes. In:______. Essays on Actions and Events. Oxford, Oxford University Press, 1980.

______. Mental Events. In:_______. Essays on Actions and Events. Oxford: Oxford University Press, 1980.

______. Paradoxes of Irrationality, In:_______. Problems of Rationality, Oxford, Oxford University Press, 2004.

DENNETT, Daniel C. Consciousness explained. Londres: Penguin Books, 1991.

GHIRALDELLI JR., Paulo. Richard Rorty. A filosofia do novo mundo em busca de mundos novos. Petrópolis: Vozes, 1999.

______. Introdução à filosofia de Donald Davidson. Rio de Janeiro: Editora Multifoco, 2010.

JAMES. W. Pragmatismo. São Paulo: Abril Cultural. 1974.

JOHN R. Shook. Os Pioneiros Do Pragmatismo Americano. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.

OLIVEIRA, Manfredo Araújo de. Linguagem e natureza. In: MONTENEIGRO, Maria Aparecida; PINHEIRO, Clara Virgínha de Q.; JUNIOR, Ivânio Lopes de Azevedo (Orgs.). Natureza e linguagem na filosofia. Fortaleza: Edições UFC, 2008.

QUINE, W.V. Dois dogmas do empirismo. In:_______. De um ponto de vista lógico: Tradução de Marcelo G.S. Lima. São Paulo, SP: Abril, 1980. (Coleção Os Pensadores).

RORTY, Richard. A filosofia e o espelho da natureza. Rio de Janeiro, Relume-Dumará, 1994.

______.Contingência, ironia e solidariedade. São Paulo: Editora Martins, 2007.

______.Para emancipar nossa cultura. In: SOUZA, José Crisótomo de (org). Filosofia, racionalidade, democracia: os debates Rorty e Habermas. São Paulo: Editora UNESP, 2005.

______.Objetivismo, relativismo e verdade (Escritos filosóficos, v. 1); trad. Marco Antônio Casanova. Rio de Janeiro: Relumé-Dumará, 1997.

______.Pragmatismo, relativismo e irracionalismo. In: Consequências do pragmatismo. Lisboa: Instituto Piaget, 1981.

______.The linguistic Turn: Essays in Philosophical method. Chicago: University of Chicago Press, 1992.

______.Verdade e progresso. São Paulo: Editora Manole, 2005.

______.Wittgenstein, Heidegger e a reificação da linguagem In:_____. Ensaios sobre Heidegger e outros. Lisboa: Instituto Piaget, 1991.

WITTGENSTEIN, Ludwig. Investigações Filosóficas. São Paulo: Editora Nova Cultural Ltda., 1996.

Downloads

Publicado

2021-07-06

Como Citar

KLINSMAN AGUIAR DE SOUZA, R. FISICALISMO NÃO-REDUTIVO E HOLISMO EM RICHARD RORTY . Polymatheia - Revista de Filosofia, [S. l.], v. 11, n. 18, 2021. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/revistapolymatheia/article/view/5826. Acesso em: 28 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos