O Corpo Humano e a Guerra pelas Obras de Kader Attia e Achille Mbembe

Autores

  • Rahfa Vitorio UFBA
  • José Martins de Lima Neto Universidade do Estado da Bahia

Palavras-chave:

Arte, Necropolítica, Guerra, Corpo, Humano

Resumo

O presente trabalho apresenta uma breve leitura estética da obra do artista contemporâneo franco-argelino Kader Attia, objetivando captar algumas ideias referentes à sua produção e possivelmente ao seu estilo próprio. Consecutivamente, discorre histórica e filosoficamente sobre o corpo humano no contexto da guerra, por meio do ensaio Necropolítica do filósofo Achille Mbembe. Por fim, contextualiza como o período histórico das Guerras do século XX e a questão do corpo humano influenciaram movimentos artísticos, além de procurar compreender como a arte no período pós II Guerra traz influências sobre a arte contemporânea, como na obra de Attia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Martins de Lima Neto, Universidade do Estado da Bahia

Mestre em Filosofia pela Universidade Federal da Paraíba, Bacharel em Filosofia pela Universidade Católica do Salvador (1997). Atualmente é Coordenador do Colegiado do Curso de Filosofia da Universidade do Estado da Bahia - Salvador Campus I. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Filosofia, Estética e Educação.

Referências

ARTE!BRASILEIROS. In: Kader Attia – Irreparáveis Reparos, no Sesc Pompeia. Arte! Brasileiros, 3 de mar. 2021. Página Divulgação. Disponível em: <https://artebrasileiros.com.br/arte/exposicoes/assista-ao-video-sobre-a-mostra-irreparaveis-reparos-kader-attia-no-sesc-pompeia/>. Acesso em: 08 de jun. de 2021.

ART VIEWER. In: Kader Attia at S.M.A.K. Art Viewer, 3 de jun. de 2017. Página de Divulgação. Disponível em: <https://artviewer.org/kader-attia-at-s-m-a-k/>. Acesso em: 16 de ago. de 2021.

BARBÁCHANO, Pedro J. Notes on liquid gold, scars and cultural exchange: an exploration of Kader Attia’s Open your eyes (2010). Pedro Barbáchano, nov. de 2019. Blog Pessoal. Disponível em: <https://pedrobarbachano.com/kader-attia>. Acesso em: 12 de jun. de 2021.

COCHRAN, Robert D. The space in between: a conversation with Kader Attia. Sculpture, 1 de janeiro de 2010. Página de Divulgação. Disponível em: <https://sculpturemagazine.art/the-space-in-between-a-conversation-with-kader-attia/>. Acesso em: 10 de jun. de 2021.

CYPRIANO, Fábio. Uma visita ao Sesc Pompeia em tempos de pandemia. Arte! Brasileiros, 21 de dez. 2020. Página Exposições. Disponível em: <https://artebrasileiros.com.br/arte/exposicoes/sesc-pompeia-pandemia-kader-attia-e-farsa/>. Acesso em: 12 de jun. de 2021.

MBEMBE, Achille. Necropolítica. Tradução de Renata Santini. Revista Arte e Ensaio. Rio de Janeiro, n. 32, p. 122-151, 2016.

MORAES, Eliane Robert. Corpo fragmentado. In: O corpo impossível: a decomposição da figura humana: de Lautréamont a Bataille. São Paulo: Iluminuras, p. 53-72, 2020.

KAS, Ligia. Mostra do artista franco-argelino Kader Attia chega ao Sesc Pompeia. Site RG, 19 de dez. de 2020. Página Cultura. Disponível em: <https://siterg.uol.com.br/cultura/2020/12/19/mostra-do-artista-franco-argelino-kader-attia-chega-ao-sesc-pompeia-2/>. Acesso em: 20 de jun. de 2021.

TAVARES, Mirian Nogueira. Arte no pós-II Guerra: O adormecer da razão gera monstros. Wall Street International, 22 de jun. de 2014. Página Arte. Disponível em: <https://wsimag.com/pt/arte/9696-arte-no-pos-ii-guerra>. Acesso em 16 de jun. de 2021.

WORLD ART FOUNDATIONS (WAF). Fondation Francés: Kader Attia “Memory of Forgetfulness”. World Art Foundations, 15 de out. de 2018. Página de Divulgação. Disponível em: <https://www.worldartfoundations.com/pt/fondation-frances-kader-attia-memory-forgetfulness/?v=19d3326f3137>. Acesso em: 15 de jun. 2021

Downloads

Publicado

2021-10-10

Como Citar

VITORIO, R.; MARTINS DE LIMA NETO, J. O Corpo Humano e a Guerra pelas Obras de Kader Attia e Achille Mbembe. Kalagatos , [S. l.], v. 17, n. 2, p. 56–69, 2021. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/kalagatos/article/view/7154. Acesso em: 27 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos