Da Imobilidade Social à superação da Vontade de Saber:

Uma análise do discurso aristotélico a partir da crítica foucaultiana

Autores

  • Thiago Guagliardo Klohn Universidade de Caxias do Sul
  • Idalgo J. Sangalli Universidade de Caxias do Sul

Palavras-chave:

Aristóteles, Ética, Filosofia Política, Imobilidade social, Poder

Resumo

Este trabalho trata de maneira sucinta da utilização de modelos como analogias para justificar discursos e práticas excludentes na obra A Política, de Aristóteles – e por modelos aqui se entende não apenas a analogia ao mundo natural e à forma como outros seres vivos se organizam em sociedade, mas a utilização de estruturas modelares de cunho moralista, porém merecedoras de uma mais aprofundada reflexão filosófica. Contra esses tipos de incorreções de ordem ética e de raciocínio, tanto para quem porta, como para quem acolhe esses discursos, este artigo ressalta o valor do pensamento foucaultiano à prática política equitativa na atualidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Guagliardo Klohn, Universidade de Caxias do Sul

Doutorando em Filosofia pela Universidade de Caxias do Sul e bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES) – Código de Financiamento 002. tgklohn@proton.me.

Idalgo J. Sangalli, Universidade de Caxias do Sul

 Professor do curso de graduação em Filosofia e do PPGFIL - UCS, e-mail: ijsangal@ucs.br.

Referências

ABBAGNANO, N. Dicionário de filosofia. 5. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

ARISTÓTELES. A política. Ed. bilíngue, tradução e notas de António C. Amaral e Carlos de Carvalho Gomes, Lisboa: Vega, 1998.

ARISTÓTELES. Ética a Nicômaco – Poética. São Paulo: Nova Cultural, 1991.

FOUCAULT, M. A arqueologia do saber. 6ª ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000.

FOUCAULT, M. A ordem do discurso: aula inaugural no College de France, pronunciada em 2 de dezembro de 1970. 24 ed. São Paulo: Edições Loyola, 2014.

FOUCAULT, M. As palavras e as coisas. Lisboa: Edições 70, 2021.

PLATÃO. A República. Tradução: Enrico Corvisieri. São Paulo: Nova Cultural 1999.

PRAGMATISMO POLÍTICO. Mulheres violadas. Disponível em: https://www.pragmatismopolitico.com.br/2023/05/deltan-dallagnol-existe-lideranca-do-homem-sobre-a-mulher-esta-na-biblia.html. Acesso em 01 jun 2023.

STEFANI, J. O conhecimento em Aristóteles. Caxias do Sul: Educs, 2018.

Publicado

2024-03-17

Como Citar

KLOHN, T. G.; SANGALLI, I. J. Da Imobilidade Social à superação da Vontade de Saber: : Uma análise do discurso aristotélico a partir da crítica foucaultiana. Kalagatos , [S. l.], v. 21, n. 1, p. eK24014, 2024. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/kalagatos/article/view/11930. Acesso em: 15 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos