Espinosa e a tradição estóica: breves considerações sobre a noção de vontade

Autores

  • Luizir Oliveira Professor Adjunto I no Departamento de Filosofia da UFPI

Palavras-chave:

Vontade. Representação. Livre Arbítrio. Ética. Felicidade.

Resumo

Este artigo procura apresentar breves apontamentos acerca do diálogo possível entre Espinosa e o Estoicismo no que se refere à noção de vontade. Para tanto, parte-se de uma discussão da proposição 48 da parte II de sua Ética, no intuito de circunscrever os pontos de contato que se podem estabelecer entre os dois sistemas de pensamento. O objetivo é tentar mostrar que, embora partindo de pressupostos aparentemente distintos, tanto os estóicos quando Espinosa almejam compreender o que fundamenta o agir humano, seu campo de liberdade possível bem como as vias para se adequar pensamento e ação a fim de se atingir a vita beata de modo pleno e dentro dos limites possíveis aos homens, o que nos leva a abordar o problema da vontade a partir da distinção entre desejos e apetites.

 

Abstract

This paper aims at introducing a brief inquiry into the possibility of a dialogue between Spinoza and Stoicism by means of a focus upon the notion of will. The point of depart is Ethics, II, proposition 48 in order to circumscribe the possible matching points to be found in both systems, namely spinozism and stoicism. The main objective is to defend that, although having apparently distinct presuppositions, Stoics and Spinoza as well aim at understanding the grounds of human action, its realm of action as well as the ways which can be used so as to adequate thought and action and thus thoroughly achieve the vita beata provided that the human limitations are taken into account. That brings us into the problem of free will by means of a distinction between desires and appetites.

Key words: Free will. Representation. Ethics. Happiness.

Arquivos adicionais

Publicado

2009-01-13

Como Citar

Oliveira, L. (2009). Espinosa e a tradição estóica: breves considerações sobre a noção de vontade. Revista Conatus - Filosofia De Spinoza (ISSN 1981-7509), 2(4), 67–72. Recuperado de https://revistas.uece.br/index.php/conatus/article/view/1789