UM OUTRO CATOLICISMO

O BISPO DE MAURA E A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA BRASILEIRA

Autores

  • Wagner Pires da Silva UFC

Palavras-chave:

Religião, Igreja Católica Romana, Igreja Católica Nacional

Resumo

O catolicismo popular brasileiro apresenta diferenças sensíveis do catolicismo romano ortodoxo. Na década de 1940, um Bispo católico brasileiro, D. Carlos Duarte da Costa, toma a frente dos movimentos por uma igreja católica nacional e cria a Igreja Católica Apostólica Brasileira, que assume uma doutrina mais aberta em relação a doutrina católica romana. Com o lema Igreja Livre no Estado Livre, a igreja fundada pelo clérigo procurou ser a alternativa nacional para os descontentes com a romanização da Igreja Católica Romana. Este artigo buscará apresentar o contexto em que se deu a ruptura e as influências que a nova igreja recebeu, tanto do catolicismo popular, como de outras religiões, como o protestantismo, o espiritismo e mesmo as religiões afro-brasileiras, por meio da análise do periódico “A Luta”, publicado como órgão oficial da nova igreja desde a sua fundação em 1945, até meados da década de 1960.

Biografia do Autor

Wagner Pires da Silva, UFC

Mestre em Políticas Públicas e Gestão da Educação Superior pela Universidade Federal do Ceará (UFC)

E-mail: wagnerpiress@gmail.com

Publicado

2022-01-21

Como Citar

SILVA, W. P. da. UM OUTRO CATOLICISMO: O BISPO DE MAURA E A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA BRASILEIRA. Revista de História Bilros: História(s), Sociedade(s) e Cultura(s), [S. l.], v. 5, n. 08, 2022. Disponível em: https://revistas.uece.br/index.php/bilros/article/view/7753. Acesso em: 21 maio. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS