Segurança pública no Brasil

uma questão de cidadania (?)

Autores

  • Lívio Silva de Oliveira

Palavras-chave:

Crime, Marginalidade, Instituições Policiais, Segurança Cidadã

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo analisar a construção histórica e social do conceito de segurança pública no Brasil. O papel das instituições policiais e a ideia consolidada na sociedade de sujeitos de direitos como “merecedores” são tencionados a partir de uma cultura punitiva contra um “catálogo ideal de suspeitos” de crimes, cujo perfil regular apresenta critérios raciais, sociais, e de gênero. Problematizam-se, então, os conceitos de marginalidade e pobreza intrínsecos ao crime e sua modalidade com maior condenação social no atual contexto do país: o crime violento. Além disso, o histórico do Estado brasileiro como promotor e afirmador de direito entra no escopo de análise através da utilização de suas instituições. Os referenciais teóricos utilizados são a Criminologia Crítica e a Sociologia das Conflitualidades.

Downloads

Publicado

2020-01-27