A Prática da Escrita Literária e o Gênero Conto no Ensino Médio

Teoria e Análise de Prática

  • José Carlos da Costa Júnior
Palavras-chave: Escrita literária, Conto, Ensino de português

Resumo

Este trabalho discute o papel da prática da escrita do gênero conto na escola, bem como analisa o percurso metodológico do projeto Conto, recontos: novas histórias, o qual é uma coletânea de contos produzidos por estudantes de 2º ano do Ensino Médio. Baseado em estudos anteriores (REUTER, 1996a; TODOROV, 1979; et al), também sugiro uma descrição para o gênero conto considerando seu domínio discursivo, propósito comunicativo, estrutura composicional, conteúdo temático e estilo. Além de apreço pela leitura e escrita, esse projeto foi um meio para que os alunos reivindicassem sua postura como autores e sujeitos produtores de conhecimento e arte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AZZARI, Eliane Fernandes; CUSTÓDIO, Melina Aparecida. Fanfics, Google Docs...a produção textual colaborativa. In: ROJO, Roxane. (Org.) Escol@ Conectada – os multiletramentos e as TICs. São Paulo: Parábola, 2013, pp. 73-92.

BOSI, Alfredo. História concisa da literatura brasileira. São Paulo, Cultrix, 2015.

CANDIDO, Antonio. O direito à literatura. In: Vários escritos. 4ª ed. São Paulo/Rio de Janeiro: Duas Cidades/Ouro sobre Azul, 2004, pp. 169-191.

COMPAGNON, Antoine. O demônio da teoria. Literatura e senso comum. Tradução de Cleonice Paes Barreto Mourão e Consuelo Fortes Santiago. Belo Horizonte, Editora UFMG, 2014.

COMPAGNON, Antoine. Literatura para quê? Tradução de Laura Taddei Bandini. Belo Horizonte, Editora UFMG, 2009.

COSTA JÚNIOR, J.C. O gênero crônica e os resultados de sua prática em sala de aula. Revista E-escrita, V.9, 2018-2. pp. 94-107. Disponível em:

https://revista.uniabeu.edu.br/index.php/RE/article/download/3304/pdf. Acessado em 12/01/2020.

DOLZ, Joaquim; SCHNEUWLY, Bernard. Gêneros orais e escritos na escola. Tradução e organização de Roxane Rojo e Glaís Sales Cordeiro. Campinas, Mercado das Letras, 2011.

KOCH, Ingedore Villaça; ELIAS, Vanda Maria. Ler e compreender os sentidos do texto. São Paulo: Contexto, 2014.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola, 2008.

REUTER, Yves. Élements de réflexion sur la place et les fonctions de la littérature dans la didactique du français à l’école primaire. Revista Repère. Recherches en didactique du français langue matternelle, número 13, 1996a, pp. 7-25, Disponível em:

https://www.persee.fr/doc/reper_1157-1330_1996_num_13_1_2172 acesso em 12/01/2020.

REUTER, Yves. Imaginaire, créativité et didactique de l’écriture. Revista Pratiques, n. 89, março de 1996b, pp. 25-44. Disponível em:

https://www.persee.fr/doc/prati_0338-2389_1996_num_89_1_1766. Acesso em 12/01/2020.

TAUVERON, Catherine. De la lecture littéraire à l’écriture à l’intention littéraire ou comment construire une posture d’auteur à l’école. Anais do 9º colóquio de AIRDF, Québec, 26 de agosto de 2004, pp. 1-16. Disponível em:

http://www.colloqueairdf.fse.ulaval.ca/fichier/Symposium_Dumortier/Tauveron.pdf. Acesso em 12/01/2020.

TODOROV, Tzetan. As estruturas narrativas. Tradução de Leyla Perrone-Moisés. São Paulo, Editora Perspectiva, 1979.

TRAVAGLIA, Luiz Carlos. A caracterização de categorias de texto: tipos, gêneros e espécies. Revista Alfa. Nº 51 (1), pp. 39-79. São Paulo, UNESP, 2007. Disponível em: http://seer.fclar.unesp.br/alfa/article/viewFile/1426/1127 acesso em 12/01/2020

Publicado
2020-02-04
Como Citar
DA COSTA JÚNIOR, J. C. A Prática da Escrita Literária e o Gênero Conto no Ensino Médio. Revista Linguagem em Foco, v. 11, n. 1, 4 fev. 2020.
Seção
Artigos